ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUINTA  21    CAMPO GRANDE 22º

Lugares por Onde Ando

Portugal, nossa dica de hoje para quando a pandemia passar

Por Paulo Nonato de Souza | 28/11/2020 08:12
Praia da Conceição, uma das 17 praias que cercam o balneário de Cascais, conhecido como a Riviera Portuguesa (Foto: Reprodução)
Praia da Conceição, uma das 17 praias que cercam o balneário de Cascais, conhecido como a Riviera Portuguesa (Foto: Reprodução)

O mundo ainda vive a crise sanitária da Covid-19, os números diários de contágios e de mortes em decorrência da doença ainda preocupam, mas a boa notícia neste momento desafiador é que já estão surgindo vacinas e com a perspectiva positiva de vacinação em massa em 2021. Ufa! Que bom poder fazer planos para a nossa viagem internacional dos sonhos, mesmo que o dólar esteja acima de 6 reais.

Os especialistas acreditam que quando a população começar a ser vacinada haverá o chamado efeito chicote nas demandas pelo turismo, desde passagens, pacotes com aéreo e hospedagens, por conta do que vem sendo represado em função da pandemia. Portanto, melhor já começar a por seu plano em prática para aproveitar as melhores oportunidades e tornar o sonho em realidade.

Nossa dica de destino de viagem neste sábado é um balneário português chamado Cascais, rodeado de belas praias, muita cultura e história, com pouco mais de 200 mil habitantes, localizado apenas 31 km de Lisboa. É daqueles lugares no mundo que vale a pena conhecer, nem que seja por um dia ou por algumas horas.

Além de suas belezas naturais, a Riviera Portuguesa, como é conhecida, foi fundada em 1364, conserva ares de vilarejo, só que provida de uma estrutura turística privilegiada.

“Venha por uma razão. Fique por muitas”, diz a propaganda oficial criada pela Secretaria de Turismo de Cascais. E acrescenta: “Há quem venha pelos dias de sol, pelo horizonte a perder de vista, pela magnífica e inigualável costa, pelo parque natural e pela hospitalidade de quem cá vive. Há quem venha pela calma e tranquilidade, pelas esplanadas à beira-mar, pelos campos de golfe rodeados de natureza selvagem, pelos sabores do mar, pelas ondas e pelo vento, pelo surf e pela vela”.

Não faltam razões para conhecer o lugar que se orgulha da denominação de vila e se recusa a ser elevada à categoria de cidade, tanto que na bandeira o brasão traz a definição: “Vila de Cascais”.

São 17 praias no total, e para todos os gostos. Só não se surpreenda, porque a água é gelada. As mais famosas, Carcavelos, São Pedro do Estoril e Guincho, redutos do surf, windsurf e kitesurf. Entre tantas opções de banho de mar, se você está a pé e dependente de transporte público para se locomover, então o caminho certo é a praia do Tamariz, bem em frente ao Casino Estoril, e próxima da estação de trem e de ônibus, que em Portugal eles chamam de comboio e autocarro.

O clima ameno prevalece quase o ano todo com temperatura média anual de 15 graus. Agosto é o mês mais quente, na casa de 20 graus, e janeiro o mês mais frio com média de 11 graus. Mas Cascais não é só praias e belas paisagens. É também cultura, casarões antigos, gastronomia e um mergulho na história, especialmente para nós brasileiros por razões que todos conhecem. Foi o lugar escolhido pelo Rei de Portugal, Dom Luís I, como a sua casa de verão, e onde morreu em 19 de outubro de 1889 aos 50 anos de idade.

Caminhar por suas ruas estreitas é um privilégio. O ponto de chegada, ou de partida, pode ser o Largo 5 de Outubro, a área mais central de Cascais, e também uma bela referência. É o que no Brasil chamamos de “centrinho” quando queremos falar de um lugar repleto de lojas e bom para compras de lembranças e bugigangas, mas no caso da Vila de Cascais também é sinônimo de centro político e cultural.

Translados - Se preferir ficar hospedado em Lisboa e optar por um bate-volta basta pegar o trem (comboio) na Estação Ferroviária Cais do Sodré, inaugurada em 4 de setembro de 1895, e tem Cascais como última parada. Aliás, Lisboa também é a última parada no sentido contrário. A passagem avulsa de ida e volta sai atualmente por € 4,30.

O primeiro trem parte às 5h30, mas a oferta de horário é grande e você não terá problemas. Único problema terá se chegar atrasado, porque o comboio, como eles, os portugueses, chamam o que nós conhecemos por trem, sai impreterivelmente no horário.

Se você vai se hospedar em algum hotel de Cascais, ao desembarcar no Aeroporto da Portela, em Lisboa, poderá alugar um carro, embarcar em uma Shuttle ou optar pelo trem. O trajeto entre o aeroporto e a estação Cais do Sodré pode ser feito de taxi ou de metrô. Neste caso, você pega a Linha Verde do metrô, por € 1,40, faz baldeação na estação Alameda, se informa lá se tiver dúvida, e embarca sentido Cais do Sodré, de onde poderá partir para Cascais.

Sobre qual a melhor época para visitar Portugal, os meses de abril e maio ou o mês de setembro são mais indicados. Se você não for fanático por praias e preferir economizar, evite os meses de julho e agosto porque é período de férias na Europa e tudo fica mais caro.

Portugal e a pandemia – O país reabriu suas fronteiras em 1º de julho, mas apesar do retorno às atividades turísticas há um grande número de restrições impostas pelo governo antes de permitir o desembarque de passageiros em Lisboa ou Porto, as duas principais portas de entrada no país.

Entre as obrigações dos passageiros está a obrigatoriedade da apresentação de teste negativo de Covid-19, e o exame deve ser o tipo RT-PCR realizado 72 horas antes do embarque.

A última atualização no decreto do governo português foi feita em 30 de outubro e as previsões não são otimistas sobre flexibilização das regras, já que o número de casos de Covid-19 continua alto no Brasil, e a Europa vive uma segunda onda da doença.

Até 12 de outubro os brasileiros estavam proibidos de entrar em Portugal. Com o crescente número de casos da Covid-19, o governo português declarou Estado de Emergência em todo o país entre os dias 9 de novembro a 8 de dezembro. Neste momento, os embarques a partir do Brasil são autorizados somente para viagens essenciais. Veja no site da Comissão Europeia se você entra nessa categoria.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário