A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

06/11/2016 09:34

Lixo amanhece em frente a escolas que sediam provas do Enem

Leonardo Rocha e Adriano Fernandes
Panfletos foram jogados em frente aos locais de prova (Foto: Adriano Fernandes)Panfletos foram jogados em frente aos locais de prova (Foto: Adriano Fernandes)
Panfletos, saquinhos e outros lixos na frente da Escola Amando de Oliveira (Foto: Adriano Fernandes)Panfletos, saquinhos e outros lixos na frente da Escola Amando de Oliveira (Foto: Adriano Fernandes)
Estudantes deixaram saquinhos em portão da Uniderp (Foto: Adriane Fernandes)Estudantes deixaram saquinhos em portão da Uniderp (Foto: Adriane Fernandes)

Muitas escolas que tiveram provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) no sábado (05), amanheceram hoje (06) com lixos espalhados em frente ao local, desde garrafas de bebidas, panfletos de vestibulares, até os envelopes e sacos plásticos entregues aos alunos, para guardar carteiras e celulares.

Veja Mais
Estudantes fazem segunda fase do Enem e redação neste domingo
Terror do Enem, tema da redação é mistério para candidatos

Na Escola Estadual Amando de Oliveira, que fica na Avenida Manoel da Costa Lima, no bairro Piratininga, pode se notar muitos panfletos de universidades e vestibulares espalhados em frente ao local, assim como os sacos plásticos rasgados, que foram dados aos candidatos, jogados nas mediações.

Mesma situação ocorre em frente a Uniderp, localizada na rua Ceará, onde junto aos envelopes e panfletos, ainda aparecem garrafas e outros objetivos jogados na rua. Andreia Mariza, de 31 anos, que vende salgados próximo a Universidade, ressaltou que quando chegou ao local ontem, estava tudo limpo, mas ficou desta forma no final do dia.

"Esta bagunça começou no final da prova, foi quando deixaram este lixo no chão. Se eu soubesse que não iriam limpar, teria trazido uma vassoura, para varrer ao menos o local que fica aqui em frente". De acordo com ela, todo ano a situação se repete.

Já a ambulante Rosana de Oliveira, 51, ponderou que durante a prova de ontem, encheu cinco sacos de lixo. "Muitas pessoas estavam procurando e aproveitaram o meu (lixo), poderia ter mais lixeiras aqui na frente da Universidade, eu nunca sei de quem é a responsabilidade por cuidar disto".

Entramos em contato com a empresa Solurb Soluções Ambientais, responsável pela coleta de lixo em Campo Grande, mas não obtivemos retorno.

Prova - Em Mato Grosso do Sul 139.149 candidatos se inscreveram para as provas do Enem, sendo 59.071 em Campo Grande. Apenas 488 pessoas deverão fazer os testes nos dias 3 e 4 de dezembro, em função da ocupação de alunos, na Uems (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) de Paranaíba.

Neste domingo (06) os portões abrem novamente a partir das 12h e as provas começam a ser aplicadas 12h30, tendo cinco 5h30 de duração. Além da redação, será a vez de testar o conhecimento dos candidatos na área de linguagem, códigos e suas tecnologias, matemática e suas tecnologias.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions