A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

08/04/2015 11:10

Funcionários terceirizados de energia protestam devido a falta de salários

Liana Feitosa
Terceirizados que desempenham atividades no setor elétrico, de transmissão e distribuição de energia estão entre os prejudicados. (Foto: Direto das Ruas)Terceirizados que desempenham atividades no setor elétrico, de transmissão e distribuição de energia estão entre os prejudicados. (Foto: Direto das Ruas)

Cerca de 100 funcionários da Reluz, terceirizados da Energisa, afirmam estar há 3 meses sem receber salário. Para protestar contra a situação, um grupo mobilizou manifestação na frente da empresa por volta das 7h desta quarta-feira (8).

Veja Mais
Energia mais cara eleva inflação em 1,79 %, segunda maior do país
Energia elétrica eleva inflação para 1,25% em março, maior em 12 anos

Segundo o trabalhador Diego Silva, 23 anos, houve bloqueio na entrada da empresa, que fica na saída para São Paulo. "São 97 trabalhadores terceirizados sem receber. Fechamos a entrada e saída de veículos e pedimos uma reunião com a diretoria da empresa", conta.

De acordo com o representante, terceirizados que desempenham atividades no setor elétrico, de transmissão e distribuição de energia estão entre os prejudicados.

"Precisamos do que é nosso. Só queremos o que é nosso, de direito, não estamos cobrando nada a mais", afirma.
A companhia chamou representantes do grupo para uma reunião, para negociar um acordo. Porém, a empresa não se manifestou sobre o caso.

 (Matéria editada às 14h08 para acréscimo de informações)

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions