A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

25/02/2012 11:03

Expogrande divulga shows até 3ª e promete trazer "grandes" do sertanejo

Aline dos Santos

Feira acontece entre 12 e 22 de abril em Campo Grande

Mesmo com impasse jurídico, feira já era anunciada desde janeiro em outdoor. (Foto: Marlon Ganassin)Mesmo com impasse jurídico, feira já era anunciada desde janeiro em outdoor. (Foto: Marlon Ganassin)

Com os shows liberados ontem por liminar da Justiça, a Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) vai divulgar até a próxima terça-feira a grade de atrações.

De acordo com o presidente da entidade, Francisco Maia, a intenção é trazer shows dos “grandes” do sertanejo, como os pratas da casa Michel Teló e Luan Santana, a cantora Paula Fernandes e Gustavo Lima. “Se a decisão tivesse saído há 20 dias, tinha agenda. Mas não confirmamos por causa do impasse jurídico”, afirma.

Além do sertanejo, a feira, que acontecerá de 12 a 22 de abril, também deve ter uma atração no estilo pop rock. “Quero trazer cinco shows com nomes do momento e também abrir espaço para artistas da terra, para os que estão começando”, afirma.

Os shows nacionais serão intermediados pela SantArena, especializadas em eventos do universo country. De acordo com Maia, os vizinhos do Parque de Exposições vão perceber mudanças quanto ao nível do ruído, que, nesta edição, há a promessa de ser reduzido.

“Vai ter uma equipe de engenharia de som muito competente, dá para fazer a simulação do impacto via computador. O ruído pode ser reduzido com tapumes colocados em alguns pontos e o direcionamento das caixas de som”, afirma. O valor do ingresso ainda não foi definido, mas deve ficar em torno de R$ 15.

Na parte agropecuária da feira, já estão agendados 48 leilões. A Expogrande movimenta R$ 130 milhões.

Fim de festa? – A decisão judicial de ontem é uma liminar, portanto, pode ser derrubada se o MPE (Ministério Público Estadual), com quem a Acrissul firmou um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) liberando os shows exclusivamente em 2011, recorrer ao TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul).

“Não ganhamos nada de ninguém, apenas será mantida uma tradição. Acredito que o Tribunal de Justiça há de entender que o prazo dado pelo TAC era muito curto”, avalia Francisco Maia.

A justificativa de prazo exíguo foi aceita pelo juiz da Vara de Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, Amaury da Silva Kuklinski, que concedeu a liminar. O magistrado determinou que o acordo firmado para a realização do evento em 2011 seja estendido também para 2012.

“Considerando que um ano não é tempo suficiente para a correta adaptação do local ou transferência deste, embora com certeza dois anos o sejam”, informa a decisão.

O MPE exigia itens como barramento acústico, ligações de esgoto, banheiros modernos, e tratamento de dejetos em separado (da exposição de animais).

Com a Lei do Silêncio, aprovada no ano passado, foi proibida a realização de shows no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Em 2011, o acordo com o MPE definiu critérios para a realização dos shows, como o horário de término às 23h.

Na última quinta-feira, portanto antes da liminar de ontem, o MPE divulgou uma nota informado que os shows estavam proibidos no Parque de Exposições.




R$! Essa é a figura que o povo gosta,mesmo eles liberando os shows para esse ano na Exposição,com certeza não estão pensando em agradar o público.
Mesmo que tenha gente que nem ligue para isso,querem mesmo é se divertir,
existem gente que já pensa longe. É por isso que essa lei anda esquisita.
Por um lado isso vai ser ótimo e pelo outro vai ser uma bomba.
 
Jéssica Alcantara em 02/03/2012 06:25:18
A Expogrande tem que acontecer, e os shows tbm. É tradição, cultura, querem acabar com nossa cultura? Existem tantas coisas para ser resolvidas, violência, gente sem teto, saúde e etc.... Vamos deixar a Expogrande acontecer, acorda povo de Campo Grande, larga de ser besta.
 
Alex Ferreira em 27/02/2012 12:17:57
ate quem fim alguem sensatonessa cidade meus parabens ao juiz que deu essa liminar essa cidade nao pode ficar na mao de um promotor que parece mais um tirano que um promotor em vez de realmente se preocupar com o meio ambiente esta acabando com a noite de campo grande com interesses politicos.
 
ricardo duarte em 27/02/2012 12:04:16
Guardem o que escrevo: "Onde passa um boi passa uma boiada"! Em 2012 o parque de Exposição se tornará o palco dos shows infernizando os moradores de Campo Grande. Diga não a estes shows e combrem de seus parlamentares (Prefeito, vereadores e deputados) e Ministério Público uma atitude!
 
EDINALDO VIANA em 27/02/2012 09:30:30
É vergonhoso ver nossos políticos e juristas apoiarem esse ato ilegal para garantir o "direito" dos todo poderosos fazendeiros do Estado.
Mais uma vez fica provado que o poder do dinheiro e da corrupção imperam em nosso Estado. Lei é somente para os pobres..
 
ricardo rodrigues em 27/02/2012 09:04:28
sem duvida as comissões dos shows devem ser otimas..para a diretoria da acrissul...se querem mesmo agradar a população porque não reduzem o preço da carne para o povo poder se alimentar melhor...shows não enchem a barriga do povo...quer dizer que o TAC não vai ser cumprido ?...pois é Dr.Raslan digno promotor do MPE como é que fica ?...
 
pereira junior em 27/02/2012 09:02:00
não é só baileiros que curtem a expogrande os de outro estilo agredece ia ser muito massa vim nxzero ia ser muito demais
 
GREISSIELE GONZALES VILLALBA em 27/02/2012 08:03:34
É Campo Grande, Mato Grosso do Sul, ainda bem que em breve estou mudando desse lugar, coitados de quem fica, aqui quem manda são esses políticos que estão no poder e os fazendeiros desse estado (mandam até na justiça) ou eu estou enganado? Moradores da região da exposição (não moro la) vcs vão aceitar calados essa decisão? se manifestem ainda ha tempo pra reverter essa decisão absurda da "JUSTIÇA"
 
Paulo Oliveira em 27/02/2012 05:35:06
Mais uma vez o MS esta mostrando por que é um estado tao atrasado, a lei foi burlada para proteger os fazendeiros que pensam que mandam no estado, é uma pena, vai demorar para o progresso chegar aqui.
 
Gerson Dias em 26/02/2012 09:35:29
O espaço da ACRISSUL já esta ultrapassado, já esta praticamente no centro de Campo Grande, tem que procurar outro lugar ao redor da cidade, o terreno já esta valendo muito, que da pra vender e comprar em outro lugar e já se precaver com um local acustico para evitar problemas futuros, e os shows que vai trazer o espaço em torno não comporta o movimento dos carros e da multidão que irão.
 
Jorge Augusto em 26/02/2012 07:06:31
campo grande é uma cidade morta não pode ter nda que os 'velhos' criticam, por isso que perdemos a copa por causa dessa gente pobre de espirito, a exposição quando foi construida nao tinha casa nenhuma agora campo grande cresceu mas problema de quem fez casa la
 
renata nazareti em 26/02/2012 05:47:16
legal mas quero ver a parte de transito que não é mais comportada por ali e estacionamento ja que onde tinha foi vendido para construçao de condominios
 
claudinei braz em 25/02/2012 12:13:00
continuo afirmando, a presidencia da acrissul tá mais preucupado em ganhar dinheiro com os shows do que com a exposição agropecuaria em si, o negocio é os shows. quem vai exclusivamente a shows não tá preucupado com exposição, e quem quer expor seu gado no caso os pecuarista não tão preucupado com shows. falei
 
valdomiro junior em 25/02/2012 01:42:22
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.