ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, QUINTA  20    CAMPO GRANDE 32º

Artigos

Importância do acompanhamento psicológico para pacientes oncológicos

Por Cristiane Lang (*) | 23/05/2024 13:30

A terapia psicológica desempenha um papel crucial no acompanhamento de pacientes oncológicos, oferecendo suporte emocional, mental e até físico durante um período extremamente desafiador. A importância da terapia para esses pacientes pode ser entendida através de várias dimensões:

Gerenciamento do Estresse e Ansiedade: O diagnóstico de câncer pode causar níveis significativos de estresse e ansiedade. A terapia pode ajudar os pacientes a desenvolver estratégias para gerenciar essas emoções, reduzindo a ansiedade e melhorando o bem-estar geral.

Apoio no Enfrentamento do Diagnóstico: A notícia de ter câncer pode ser devastadora. A terapia oferece um espaço seguro para os pacientes expressarem seus medos, frustrações e dúvidas, ajudando-os a processar a informação de maneira saudável.

Redução dos Sintomas de Depressão: Muitos pacientes oncológicos podem desenvolver sintomas depressivos devido ao impacto da doença e do tratamento. A terapia pode ajudar a aliviar esses sintomas, proporcionando uma abordagem mais positiva e esperançosa para o enfrentamento da doença.

Melhoria na Adesão ao Tratamento: A terapia pode motivar os pacientes a seguir seus planos de tratamento de forma mais consistente, ajudando-os a compreender a importância de seguir as recomendações médicas e a encontrar maneiras de lidar com os efeitos colaterais.

Apoio Psicológico para a Família:

O câncer afeta não apenas o paciente, mas também sua família. A terapia familiar pode ajudar todos os membros a lidar com o estresse, a melhorar a comunicação e a fortalecer o apoio mútuo durante o tratamento.

Educação e Sensibilização

A terapia pode fornecer à família informações valiosas sobre a doença, o tratamento e como melhor apoiar o paciente, facilitando um ambiente de cuidado.

Construção de Mecanismos de Enfrentamento: Os terapeutas podem ajudar os pacientes a desenvolver mecanismos de enfrentamento eficazes para lidar com os desafios físicos e emocionais do tratamento oncológico, fortalecendo a resiliência.

Promover a Esperança e o Otimismo:

Manter uma perspectiva positiva pode ser difícil, mas é vital. A terapia pode ajudar os pacientes a encontrar esperança e significado durante a jornada do câncer, mesmo diante de incertezas.

A terapia é uma componente essencial no cuidado de pacientes oncológicos, fornecendo suporte emocional, ajudando a gerenciar sintomas psicológicos e melhorando a qualidade de vida. O acompanhamento terapêutico contribui significativamente para a resiliência, a adesão ao tratamento e o bem-estar geral, não apenas do paciente, mas também de seus familiares.

Em resumo, a integração da terapia no tratamento oncológico representa uma abordagem mais completa e compassiva, focada na saúde total do paciente.

(*) Cristiane Lang é psicóloga clínica.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem a opinião do portal. A publicação tem como propósito estimular o debate e provocar a reflexão sobre os problemas brasileiros.

Nos siga no Google Notícias