ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  18    CAMPO GRANDE 26º

Cidades

Com mortes de caminhoneiro e idosa, já são 9 vítimas por covid-19 em MS

Caminhoneiro morreu durante viagem ao Tocantins e senhora faleceu em Paranaíba

Por Marta Ferreira | 27/04/2020 10:45
Hopistal de Araguaína, onde a vítima estava internada. (Foto: G1/Tocantins)
Hopistal de Araguaína, onde a vítima estava internada. (Foto: G1/Tocantins)

Caminhoneiro de Dourados, a 224 quilômetros de Campo Grande, morreu neste sábado no Hospital Regional de Araguaína, no norte do Tocantins, vítima do novo coronavírus.  Ele foi identificado como Antoninho Muller, de 56 anos. Com esse caso, já são 9 óbitos pela doença registrados no Estado.

Segundo a Secretaria de Saúde de Mato Grosso do Sul, durante viagem ele acabou internado no dia 24 de março em Tocantinópolis, no Tocantins, e precisou ser transferido para Araguaína após ter complicações no quadro de saúde. Antoninho estava apenas de passagem pelo Estado e procurou por socorro após se sentir mal.

Apesar da morte ter ocorrido no Tocantins, o caso vai entrar para as estatísticas de Mato Grosso do Sul, porque é o protocolo do Ministério da Saúde que entre na cidade de origem do paciente.

Outra morte - Nesta segunda-feira, uma senhora de 76 anos também morreu vítima de covid-19 em Paranaíba, região leste de Mato Grosso do Sul. Ela foi o primeiro caso da doença confirmado no município e estava internada desde o dia 10 de abril.

Segundo informou a secretaria municipal de Saúde de Paranaíba, na época da notificação, há duas semanas, a paciente tinha problemas pulmonares e deu entrada na Santa Casa da cidade com dificuldades para respirar. Ela foi sedada e usava respiração mecânica desde 11 de abril.

A reportagem procurou a secretaria municipal de Saúde de Paranaíba e o prefeito da cidade, Ronaldo José Severino (PSDB), que não atendeu ou retornou ligações.

Paranaíba tem dois casos confirmados de novo coronavírus. A outra ocorrência é de um idoso de 81 anos.

Boletim - Já são 238 casos confirmados de covid-19 no Estado, 126 só em Campo Grande. São 4 confirmações nas últimas 24 horas. Além do caminhoneiro que não constava no boletim, são homem de 32 anos na Capital e 2 mulheres de 33 e 35 em Três Lagoas, município que já soma 41 testes positivos.