ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUARTA  08    CAMPO GRANDE 20º

Cidades

Durante temporal, raios e trovões assustaram, mas sentimento geral é de alívio

Nas ruas, há relatos de susto durante madrugada, mas avaliação é que temporal foi menor do que esperado

Por Silvia Frias e Mirian Machado | 24/10/2021 09:25
Tempo nublado indica que previsão de chuva ainda se mantém em Campo Grande (Foto: Mirian Machado)
Tempo nublado indica que previsão de chuva ainda se mantém em Campo Grande (Foto: Mirian Machado)

Não fossem os raios e trovões, a noite da auxiliar administrativa Nilvana Andrade, 44 anos, teria sido mais tranquila. Ela acordou com os barulhos, mas o transtorno com o temporal não passou de susto. “Graças a Deus a noite foi tranquila”.

Como ela, muitos temiam reviver momentos de apreensão do dia 15 de setembro, quando Campo Grande teve tempestade de areia que antecedeu temporal, causando queda de centenas de árvores e interrupção do fornecimento de energia elétrica que, na capital, foi somente foi totalmente restabelecido quase uma semana depois.

“O outro foi bem pior”, disse o comerciante João Paulo Mareco, 37 anos. Dono de loja na avenida Julio de Castilhos e residente na Vila Nasser, disse que passou pelas localidades e não viu alagamentos ou árvore caídas. Mareco estava com pé atrás com os anúncios feitos na sexta-feira. “Na Nasser choveu bastaten, mas não vi estragos”.

A aposentada Oilza Fernandes, 61 anos, disse que acordou durante a madrugada para desligar os aparelhos da tomada. “Só vi os relâmpagos”, disse. Segundo serviço de meteorologia, foram 4.781 raios registrados das 23h de sábado até às 2h de domingo.

Eva Silva, 59 anos, e Hanna Medina, 71 anos, estavam no ponto de ônibus da avenida Júlio de Castilhos e comentaram que tiveram o mesmo susto. Trovões e raios fizeram com que acordassem. “Parecia que ia acabar o mundo, tava tudo tremendo”, disse Eva.

Hanna Medina havia dormido na casa de parente e aproveitou quando a chuva acabou sair. “Vai que chove de novo”.

O alerta de tempestade permanece para Campo Grande até 12h, conforme aviso do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário