A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 15 de Outubro de 2019

02/04/2019 17:32

Governador diz que verba cortada do Vale Renda irá para outras famílias

Levantamento aponta que quase metade da concessão do auxílio estava irregular por duplicidade ou repasse para famílias fora da situação de vulnerabilidade

Fernanda Palheta
Durante agenda, o governador afirmou que o for economizado com o corte será reinvestido (Foto: Chico Ribeiro)Durante agenda, o governador afirmou que o for economizado com o corte será reinvestido (Foto: Chico Ribeiro)

Os 22 mil benefícios que serão cortados pelo Governo de Mato Grosso do Sul por conta de fraudes devem ser repassado para pessoas que não recebem nenhum tipo de auxílio. A garantia foi dada hoje pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB), durante evento de retomada de obras em Campo Grande. Conforme o decreto, 48,8% dos 45 mil benefícios concedidos por meio do programa Vale Renda serão cortados porque foram constatadas irregularidades.

"Aquele número que nós economizarmos retirando quem tem duplicidade e pessoas que tem renda superior ao previsto, tudo aquilo que for economizado será investido em novas pessoas, em novos programas sociais para quem não tem nenhum tipo de beneficio", explica Azambuja.

Um levantamento feito pelo Executivo apontou em duplicidade na concessão do Bolsa Família e repasse para famílias fora da situação de vulnerabilidade. "Estamos fazendo um estudo minucioso, não tem um número ainda determinado, se será 20 mil ou 22 duas mil benefícios. Tendo a duplicidade do programa nós faremos a anulação para poder atender aqueles que não tem programa social. A ideia não é cortar o vale renda é dar oportunidade a famílias que não tem nenhum tipo de programa social para ter um complemento de renda", detalha.

IrregularidadesA varredura doi feita pela equipe técnica da Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), que fez cruzamento dos dados do Vale Renda com o Cadastro Único – um instrumento do governo federal que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda. Foram descobertos casos de famílias que recebem Vale Renda e Bolsa Família e repasse indevido a pessoas fora da situação de vulnerabilidade.

Conforme o levantamento há casos de pagamentos feitos a famílias com renda de R$ 5 mil. Pelas regras do Vale Renda, só podem ser contempladas famílias com renda per capita de até meio salário mínimo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions