ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, TERÇA  15    CAMPO GRANDE 23º

Cidades

Só em maio, Procon multa 10 bancos em mais de meio milhão de reais

Demora no atendimento e ausência de fila preferencial eram algumas das irregularidades

Por Jhefferson Gamarra | 19/05/2021 08:22
Bradesco lidera o número de notificações feitas pelo Procon (Foto: Paulo Francis/Arquivo)
Bradesco lidera o número de notificações feitas pelo Procon (Foto: Paulo Francis/Arquivo)

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon-MS), multou 10 intuições financeiras pelo descumprimento do Código de Defesa do Consumidor, como demora no tempo de atendimento, falta de senhas para controle do tempo de espera e ausência de fila preferencial. As multas somadas ultrapassam R$ 500 mil.

No total foram realizadas 52 notificações de processos o que totaliza 12.653 Uferms (Unidade Fiscal Estadual de Referência de Mato Grosso do Sul), fixada em R$ 39,64 para o mês de maio, que convertidas totalizam R$ 501.564,92, que serão recolhidos ao fundo estaduais de defesa do consumidor.

Na liderança do ranking de estabelecimentos notificados está o Banco Bradesco com 17 processos que atingiram R$ 184.920,64 em multas. Na sequência, aparece o banco BMG, que foi notificado 12 vezes, acarretando R$ 104.649,60 em multas. Também foram notificados e multados os bancos  Pan, Itaú, Banco do Brasil, Caixa, Santander, Safra, Agiplan e CBSS.

O não pagamento dos débitos resultantes das multas, poderão acarretar em inscrição na dívida ativa e como consequência a execução judicial.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário