ACOMPANHE-NOS    
JULHO, TERÇA  27    CAMPO GRANDE 22º

Cidades

TJMS estuda autorizar cartórios a fazer transferência imediata de veículos

Serviço pode ser permitido onde não há atendimento do Detran

Por Marta Ferreira | 25/02/2021 14:29
Autoridades reunidas nesta manhã, quando foi discutida possibilidade de cartórios fazerem transferência imediada de veículos. (Foto: Divulgação)
Autoridades reunidas nesta manhã, quando foi discutida possibilidade de cartórios fazerem transferência imediada de veículos. (Foto: Divulgação)

TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) e Detran (Departamento de Trânsito) estão avaliando a permissão para que cartórios possam fazer serviços que hoje só são possíveis no órgão de trânsito. Entre eles está a transferência imediata de veículo em operações de venda.

O diretor-presidente do Detran, Rudel Espíndola Trindade Junior esteve, acompanhado do chefe do setor de leilões da autarquia, Túlio Brandão, em reunião nesta manhã com o Corregedor-Geral de Justiça, desembargador Luiz Tadeu Barbosa Silva, da qual também participou o juiz auxiliar Renato de Liberalli e a analista Ádila Catan, da comissão de alienação de bens apreendidos em ações penais.

Segundo divulgado pelo órgão, o corregedor-geral de Justiça estuda a elaboração de minuta de parceria a ser apresentada ao Detran até o dia 23 de março, para permitir o novo serviço aos cartórios de registro civil. Essa é uma reivindicação da Arpen (Associação dos Registradores Civis de Pessoas Naturais).

A ideia é permitir o serviço em locais não atendidos por unidade do Detran.

Outro tema – Durante o encontro desta manhã, outro assunto foi a priorização que a Corregedoria está dando aos leilões de veículos apreendidos em ações penais.

Esses bens, quando parados, acabam enchendo os pátios de órgãos públicos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário