A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Março de 2019

22/01/2019 17:09

Profissionais de enfermagem realizam ato a favor da profissão

Evento vai acontecer neste domingo (27) a partir das 11h na Praça do Rádio e ocorre simultaneamente em São Paulo

Tatiana Marin

Os profissionais de enfermagem de Mato Grosso do Sul e de todo Brasil vão realizar um ato para a valorização da categoria. O ato vai será neste domingo (27) a partir das 11h na Praça do Rádio em Campo Grande e acontece simultaneamente em São Paulo, no Masp.

O objetivo da campanha nacional é trazer melhores condições de trabalho, entre elas a redução da jornada de trabalho de 44 para 30 horas semanais. A categoria faz a reivindicação devido aos inúmeros problemas que tem afetado a saúde física e mental dos profissionais, por conta da atual carga horária regida pela CLT e RJU, pelas más condições de trabalho; pela má remuneração salarial e não valorização profissional.

Em Campo Grande, a manifestação é organizada pelo Sista/MS (Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul e Institutos Federais de Ensino de Mato Grosso do Sul). A enfermeira Cléo Gomes, coordenadora do sindicato e servidora da UFMS conta que a ação na Capital foi orquestrada em uma reunião entre representantes da enfermagem ocorrida no último dia 12.

Os profissionais pleiteiam a redução da jornada de trabalho, aumento do piso salarial, melhores condições de trabalho e valorização profissional. Cléo Gomes estes itens essenciais para a manutenção da saúde dos profissionais e assegurar também sua isonomia em relação a outros profissionais de saúde como assistentes sociais, fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais.

“É importante ressaltar também que com essa redução da carga horária para 30 horas semanais, os órgãos de saúde de Mato Grosso do Sul e de todo o país terão profissionais mais atuantes em suas funções, melhorando seu desempenho profissional nesse período mais enxuto. Ou seja, a assistência de enfermagem será de melhor qualidade”, explica Cléo Gomes, do Sista/MS.

“Queremos que esse movimento que também estará ocorrendo em outros Estados na mesma data, porém em horários diferentes se transforme em uma onda nacional. A categoria de enfermagem precisa se unificar para conquistar. Acredito que se nos empenharmos e assumirmos esse compromisso 2019 poderá vir a ser: o ano de conquistas da enfermagem”, afirma Cléo.

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio acumulado de R$ 33 milhões
O concurso 2.135 da Mega-Sena vai sortear nesta quarta-feira (20) o prêmio acumulado de R$ 33 milhões. O sorteio das seis dezenas será realizado, a p...
Homem é denunciado por assediar mulheres no Terminal Nova Bahia
Um homem de 39 anos foi detido no Terminal Nova Bahia depois de ter sido denunciado por assediar várias mulheres no local. O caso aconteceu ontem à t...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions