A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

03/03/2009 12:51

Ação flagrou 4 com linha com cerol e três no preparo

Redação

A operação Corta Cerol, deflagrada na tarde dessa segunda-feira, terminou com quatro pessoas flagradas com pipa com linha de cerol e três no preparo da mistura cola + vidro.

De acordo com a Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e a Juventude), Edimar Rodrigues de Almeida, 18 anos, Márcio Candia da Silva, 18 anos, Flávio Henrique Baroni Diniz, 20 anos, e um adolescente de 15, foram flagrados com linha com cerol.

Edimar soltava pipa no bairro Nova Esperança; Márcio na Vila Nhá-Nhá e Flávio no Universitário.

Já Edson França Lima, o "Pilo", Wanmar de Freitas, o "Pintinho" e Roberto Carlos Baroni Diniz, faziam a mistura para passar nas linhas quando foram abordados pela Polícia.

Todas foram autuadas pelo crime de "expor a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e iminente" e, caso sejam condenados, podem pegar de três meses a um ano de prisão.

Já quem, nas mesmas circunstâncias vier a lesionar alguém, responderá pelo crime de lesão corporal dolosa ou tentativa de homicídio. Caso o fato seja mais grave e se a vítima vier a falecer devido aos ferimentos, responderá pelo crime de homicídio doloso.

Durante a ação, os policiais orientaram a população sobre a gravidade e os crimes que podem ocorrer em decorrência da brincadeira de soltar pipas utilizando-se de linha de cerol.

A ação foi deflagrada por conta dos ferimentos provocados por linha com cerol em Marcos Aparecido Oliveira Partim, 26 anos, e em Valdir Rodrigues Cavalcante, 36 anos. Ambos estavam de moto.

Marcos sobreviveu, mas o corte em Valdir foi mais profundo e ele não resistiu e morreu no local, na tarde de domingo (1º de março).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions