A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/12/2009 17:14

Acusado de matar garota a pedradas tem júri adiado

Redação

Foi adiado por falta de testemunhas de defesa, para data ainda não definida, o júri de Nilson Barbosa Melgarejo, de 22 anos, que seria realizado nesta tarde em Dourados, município que fica a 230 quilômetros de Campo Grande. Ele é acusado de matar a pedradas a adolescente Dilma de Oliveira Moraes, de 15 anos, na noite de 2 de julho de 2008.

Segundo a Polícia, Nilson confessou ter matado a garota. Ele foi preso um dia após o crime, porque seus documentos foram encontrados junto com o corpo da vítima. Contudo, ele tem o álibi de ter registrado queixa do desaparecimento dos documentos, logo após o homicídio, declarando que havia sido assaltado.

Durante depoimento, o homem confessou que havia bebido uma caixa de cerveja antes de encontrar a menina, no dia do crime, e que os dois tiveram relações sexuais porque mantinham um caso.

Segundo a investigação, ele chamou a menina para um lugar reservado para conversar. Após a relação sexual, enquanto ela ainda estava sem roupas, ele iniciou a agressão.

O motivo do assassinato seria o fato da garota ter revelado que estava grávida. Nilson, que era casado, teria ficado com medo de a esposa descobrir o caso.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions