A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/07/2008 16:00

Acusados de matar PF vão novamente a júri na 5ª

Redação

Os três acusados de matar o policial federal Fernando Luís Fernandes em 13 de dezembro de 1989, em  Campo Grande, irão novamente a júri popular na quinta-feira (17). O julgamento está marcado para começar às 9 horas no Tribunal do Júri do Fórum da Justiça Federal, em Campo Grande.

Pedro Alves Pacheco, Roher Pacheco e Wild Pacheco, já foram julgados e condenados em 2002, mas o julgamento foi anulado pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, por falhas nos questionamentos e contradições nas respostas dos jurados.

O agente da PF (Polícia Federal) foi morto quando estava a serviço, em investigação sobre suspeita de contrabando. Ele fazia campana junto com um colega, Jefferson da Guia Rodrigues, na Rua Eduardo Santos Pereira.

Eles estavam dentro de um veículo, quando os acusados passaram e atiraram diversas vezes. Os policiais não tiveram tempo de reagir, já que estavam com as armas embaixo das pernas e foram pegos de surpresa.

Fernando foi atingido no peito e Jefeferson sobreviveu. Também participou do crime Fulvio Benites, mas este não foi denunciado pelo MPF (Ministério Público Federal) porque faleceu.

O MPF considera que Pedro, Roher e Wild agiram intencionalmente e de surpresa, sem dar chance de defesa ao policial, o que caracteriza o homicídio doloso qualificado.

O policial integra a galeria de heróis do Departamento da Polícia Federal e, como homenagem póstuma, dá nome à rua em que fica a sede da superintendência da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, em Campo Grande.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions