A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

16/02/2009 17:18

Agentes penitenciários descobrem dois túneis na Máxima

Redação

Os agentes penitenciários do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, em uma inspeção de rotina na manhã de hoje, encontraram dois túneis em celas do pavilhão I, sendo que um deles já chegava a ter 17 metros e contava com sistema iluminação e ventilação. A estimativa é que 80 presos poderiam fugir, o que demoraria até dois dias.

Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Fernando da Anunciação, por volta das 9h, o primeiro túnel, este com oito metros, foi encontrado na cela 119 do pavilhão I. Os detentos também quebraram as paredes e a laje de quatro celas interligando-as de maneira que eles podiam espalhar a terra retirada do túnel tornado-a imperceptível.

Dando continuidade à inspeção, no período da tarde, os agentes encontraram outro túnel, este começava na cela oito, do outro lado do pavilhão I, e estava com mais de 17 metros, estava a cerca de quatro metros para chegar à muralha.

Para a escavação, os detentos usaram panelas, potes e até mesmo latas. De acordo com Anunciação, os túneis tinham cerca de 50 centímetros de largura. "Para se chegar ao fim a pessoa tem de ir deitada", detalha.

Como forma de garantir os trabalhos nos túneis, os detentos usavam ventiladores e lâmpadas. "Eles arrancavam os fios do próprio presídio para levar energia para a escavação", conta Anunciação.

Todos os presos envolvidos foram colocados sob regime disciplinar.

A última tentativa de fuga através de túnel ocorreria em novembro do ano passado, mas foi descoberta antes.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions