A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Abril de 2018

06/11/2017 08:58

Alimentação para presos da Máxima vai custar R$ 13 milhões por ano

A Real Food foi a vencedora da licitação, conforme publicação no Diário Oficial do Estado

Mayara Bueno
A Máxima fica na rua Indianópolis, no Jardim Noroeste. (Foto: Fernando Antunes/Arquivo). A Máxima fica na rua Indianópolis, no Jardim Noroeste. (Foto: Fernando Antunes/Arquivo).

O Governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), contratou a Real Food por R$ 13 milhões para fornecer alimentação ao Estabelecimento Penal Jair Ferreira de Carvalho, a Máxima de Campo Grande.

Nesta segunda-feira (6), a Agência divulgou a homologação da licitação para compra da alimentação. O contrato vai custar, por mês, R$ 1.096.118,83 e, ao longo de um ano, R$ 13.153.425,92.

Ainda de acordo com a publicação, a empresa vai atender também Centro de Triagem "Anízio Lima". A Máxima fica na rua Indianópolis, no Jardim Noroeste, na Capital.

Outra compra - O Governo também comunicou o resultado da licitação para fornecimento de alimentos por R$ 3 milhões. O contrato vai atender a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública).

Golpistas são presos após falsos depósitos para 'comprar' caminhões
Quatro pessoas foram presas por tentativa de estelionato, associação criminosa, receptação e tráfico de drogas na manhã deste sábado (4) em Campo Gra...
Dois motoristas são presos ao tentarem levar carretas ao Paraguai
Dois motoristas foram presos ao tentarem levar duas carretas para o Paraguai. Eles foram interceptados em Ponta Porã - cidade localizada 323 km de Ca...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions