A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

23/09/2010 13:11

Alunos da UFMS de Aquidauana denunciam "férias forçadas"

Redação

Acadêmicos de graduação do campus de Aquidauana da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) denunciam que desde o fim das férias (que durou de 10 de julho a 10 de agosto) alguns cursos estão praticamente sem aulas em função da ausência e "falta de comprometimento" dos professores.

Em nota, os estudantes argumentam que centenas de acadêmicos da UFMS não assistiram ao menos 10% das aulas do 2º semestre. "Esse fato tem ocorrido sistematicamente desde o começo do ano, porém se agravou consideravelmente depois das férias", informa.

Segundo os estudantes, grande parte dos "mestres" do campus moram em Campo Grande e ficam no campus de Aquidauana no máximo dois dias. "Os professores tem por obrigação permanecerem no campus durante toda semana", argumentam os estudantes. Atividades como orientação acadêmica para monografias (Trabalho de Conclusão de Curso), extensão e pesquisa já estão paralisadas, dizem os acadêmicos.

A falta de aulas desde o início do 2º semestre nos cursos de pedagogia, geografia, história e letras, segundo os estudantes, já teria comprometido o ano letivo de algumas turmas.

O curso de Turismo, no entanto, cumpre o cronograma completo do ano letivo. Segundo a estudante Kelle Almeida, as aulas acontecem normalmente, com a realização de congressos e projetos de extensão.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, o caso será analisado pela direção do campus de Aquidauana, que analisará todas as escalas.

Porém, segundo os diretores do campus de Aquidauana, nenhum documento com reivindicações assinado pelos alunos do campus foi enviado ao conhecimento da UFMS.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions