A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

15/01/2012 17:33

Alunos de MS e outros cinco estados tiveram alterada nota de redação do Enem

Fabiano Arruda

É o que aponta reportagem da Agência Estado neste domingo

O MEC (Ministério da Educação) admitiu alterações em notas da redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 129 candidatos, que tiveram índices retificados em função de “erro material”.

A informação foi publicada neste domingo pela Agência Estado, que aponta os casos atingem alunos Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Rondônia, Ceará e Distrito Federal estariam na lista.

A reportagem revela os dados baseada num documento, em que em que o MEC faz parte do consórcio organizador do exame, em que afirma ter tido acesso. A lista foi entregue à Justiça Federal de São Paulo e consta do processo em que o estudante Michael Cerqueira de Oliveira, de 17 anos, pedia vista da prova.

A publicação diz que Oliveira, que teve a nota alterada de "anulada" para 880, foi o primeiro caso de mudança de nota, colocando em dúvida o sistema de correção da redação do Enem. Na semana passada, o ministério confirmou que outro estudante, desta vez de Belo Horizonte, também teve a nota corrigida.

Os nomes dos dois estudantes constam da lista em que o jornal teve acesso. O ofício n.º 3.351/2011 é intitulado como "Nova situação de participantes do Enem/2011".

No texto, consta que o Cespe/Unb (Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasíliab) "informa que, em função do erro material, os participantes do Enem/ 2011 listados abaixo tiveram sua situação ou nota alterada". Na sequência, a lista com os nomes tem três páginas e meia.

O MEC teria admitido a alteração por erro em apenas duas notas. A pasta afirma que todos os citados foram comunicados por telefone sobre a correção.




Ano retrasado minha nota foi 675, não sabia nem como era a estrutura de uma redação e ano passado que eu me preparei, fiz cursinho, obtive 660!!!
Não deveria existir redação no Enem, porque cada professor corrige a seu critério, quem garante que eles são íntegros na hora da correção?
 
Henrique Yukio em 16/01/2012 10:26:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions