A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/06/2016 11:02

Alvo de operação no RJ, dentista da Capital é solto e renuncia a cargo

Aline dos Santos

Preso na operação Tiradentes, o dentista Ailton Diogo Morilhas Rodrigues foi solto na última sexta-feira (dia 24). A ação, deflagrada pela PF (Polícia Federal) do Rio de Janeiro, aconteceu no dia 14 de junho. Ailton mora em Campo Grande e, já em liberdade, renunciou ao cargo de presidente do CFO (Conselho Federal de Odontologia).

A ordem para que ele deixasse o presidio Ary Franco, no Rio de Janeiro, foi dada pela 3ª Vara Federal Criminal. O motivo foi o fim do prazo da prisão temporária. De acordo com a assessoria de imprensa do CRO/MS (Conselho Regional de Odontologia), Ailton colabora com as investigações e oficializou a renúncia ao comando do conselho federal, com sede em Brasília.

Além do presidente, foram presos um ex-tesoureiro do CFO, em São Paulo; um ex-conselheiro, no Amazonas; e o chefe do Setor de Compras, em Niterói (RJ). Também foram apreendidos R$ 250 mil em dinheiro e seis carros de luxo.

Os crimes investigados são peculato, estelionato qualificado, associação criminosa e lavagem de dinheiro. A reportagem não conseguiu contato com a assessoria de imprensa do Conselho Federal de Odontologia.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions