A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/11/2010 15:34

Associação aceita proposta de aumento de efetivo na PM

Redação

A proposta do Comando da Polícia Militar que estabelece o aumento do efetivo durante o quadriênio 2011/2014 foi aceita pela Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul. O documento foi analisado na última sexta-feira (19) pela categoria, durante uma assembleia.

Inicialmente, a associação contestava a ampliação de 60% apenas as promoções dos oficiais para o posto de coronel, cujo número deve subir de 10 para 16, mas ao analisar a proposta enviada, a categoria decidiu aceitar a ideia do governo porque ao se levar em conta à proporcionalidade (o número de soldados e cabos é bem maior) o percentual das promoções acaba se tornando linear.

Agora, a proposta do Executivo será votada em lei complementar até o final de dezembro. Pelo projeto, nos próximos quatro anos o quadro da PM deve subir dos atuais 7.523 para 9.300 policiais. O contingente de bombeiros militares que hoje é de 3.209 deve aumentar em mais 500. Ao elaborar o plano, o governador André Puccinelli (PMDB) já havia garantido que não haveria nenhuma distorção. "Todas as patentes serão contempladas", afirmou.

"Tenho que reconhecer que a proposta nos surpreendeu e atendeu às expectativas. Pela primeira vez houve um consenso entre o Executivo e as categorias", disse o presidente da associação, soldado Edmar Soares da Silva, que foi eleito para o cargo em março. Como exemplo, ele disse que pela proposta devem abrir 1.425 vagas para cabos. "Consequentemente estas promoções abrem mais 1.425 vagas para soldados", observou.

O aumento do efetivo durante o quadriênio 2007/2010 foi aprovado pela Lei Complementar nº 119 de 22 de dezembro de 2006. O plano é elaborado de acordo com a população de Mato Grosso do Sul e com base em avaliações de critérios técnicos.

Segundo a Polícia Militar, nos últimos quatro anos 50 policiais foram promovidos a oficiais, 1.500 soldados ingressaram na corporação e 210 policiais foram promovidos a sargentos.

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions