A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

29/01/2010 10:16

Campo Grande atinge 53% de inserção de jovens no mercado

Redação

Governo e empresários assinaram hoje no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo um termo de cooperação que vai oportunizar aos jovens beneficiados pelo programa "ProJovem Trabalhador" treinamento com qualificação profissional.

Na ocasião, o governador André Puccinelli (PMDB), a secretária Tânia Mara Garib (Trabalho e Assistência Social), e diversas empresas que participam do programa, assinaram o termo.

O programa beneficia hoje 5.500 jovens com idade de 18 aos 29 anos em todo o Mato Grosso do Sul.

Entre a empresas e entidades participantes, estiveram presentes ao evento a Seara, Madepar, TDB têxtil, Supermercado Nandas, Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Fiems (Federação das Industrial de Mato Grosso do Sul), CDL (Câmara dos Dirigentes Logistas), Sebrae, Vacaria Transporte e Turismo e Universo Íntimo.

Em seu discurso, Puccinelli enfatizou a importância da qualificação profissional para que os jovens consigam se inserir no competitivo mercado de trabalho.

"Quem mais se esmera no mundo globalizado de hoje tem mais oportunidades. Quem não se qualifica, encontra muitas dificuldades", afirmou.

Para a secretaria Tânia Mara Garib, o programa vai beneficiar tanto o Estado quanto ao empresário. "O empresário recebe um profissional qualificado ao custo praticamente zero e ainda contribui para crescimento da economia do Estado e Capital".

No programa, o governo pretende inserir pelo menos 30% dos estudantes cadastrados no programa. Eles recebem treinamentos dentro de uma carga horária de 350 horas.

O presidente da Funtrab (Fundação do Trabalho), Cícero Ávila de Lima, anunciou que o programa alcançou a meta de 53% de inserção de jovens no mercado de trabalho em Campo Grande.

Segundo ele, pelo menos 40% de desempregados no Brasil são jovens de 16 a 24 anos. "Empresários e governo precisam estar unidos para combater o desemprego juvenil", declarou.

Para o vice-presidente da Acicg (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), João Carlos Polidoro da Silva, há uma necessidade de profissionais capacitados atuando no mercado. "O mercado atende hoje clientes exigentes e precisa de pessoas qualificadas".

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions