ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 21º

Capital

"A água levou ele, mãe", disse irmão de menino desaparecido em rio

Criança despareceu no final da tarde de ontem (4) enquanto brincava com os irmão no Rio Anhanduí

Por Kerolyn Araújo e Aletheya Alves | 05/12/2020 16:22
Com nível do rio mais baixo, concreto onde criança estava voltou a aparecer. (Foto: Kísie Ainoã)
Com nível do rio mais baixo, concreto onde criança estava voltou a aparecer. (Foto: Kísie Ainoã)


Quase 24h após o início das buscas, o menino de 8 anos desaparecido nas águas do Rio Anhanduí, em Campo Grande, ainda não foi localizado. Ele estava no local com os dois irmãos, quando foi levado por uma "cabeça d'água", fenômeno que caracteriza-se pelo aumento repentino do nível de um rio, devido a chuvas nas cabeceiras do curso d'água.

Na tarde deste sábado (5), a mãe do menino, de 38 anos, contou à reportagem que não sabia que o filho estava no rio com os irmãos. "Meu filho disse 'a água levou meu irmão, mãe'. Aí que eu descobri que ele estava no rio. Pra mim, ele estava no quarto. Eu não iria deixar ele na beira de um córrego. Ele tem 8 anos, mas é pequeno", disse.

A dona de casa passou a noite na casa do irmão, nas proximidades do rio, aguardando notícias do filho. Hoje, ela e outros familiares também acompanharam o trabalho do Corpo de Bombeiros.

"Eu ainda tenho esperança do meu filho estar vivo. Às vezes ele está em um hospital, inconsciente, e não sabe dizer quem é o pai e a mãe. Pode ser que alguém tenha achado ele", disse a mãe.

Durante a manhã, dois militares do Corpo de Bombeiros fizeram uma "varredura" na área, percorrendo 11 quilômetros do rio, mas o menino não foi localizado e o mesmo caminho foi refeito.

O caso - O menino, acompanhado dos irmãos, de 13 e 15 anos, além de uma outra criança de 12, estava em uma estrutura de concreto no meio do rio, quando o nível da água subiu repentinamente.

O tio dos meninos, de 36 anos, conseguiu retirar o adolescente 13 anos da água usando uma corda. O menino de 12 anos saiu sozinho.

A criança e o irmão mais velho foram levados pela correnteza, mas o adolescente conseguiu se salvar.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário