ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SEXTA  03    CAMPO GRANDE 29º

Capital

A partir de hoje, toque de recolher na Capital volta a vigorar entre 22h e 5h

Com bandeira laranja do Programa Prosseguir, Campo Grande tem flexibilização por, pelo menos, 14 dias

Por Ana Oshiro | 13/05/2021 09:44
Um ano atrás, ruas da Capital ficaram vazias durante toque de recolher (Foto: Arquivo/Gabriel Marchese)
Um ano atrás, ruas da Capital ficaram vazias durante toque de recolher (Foto: Arquivo/Gabriel Marchese)

Desta quinta-feira (13) até o dia 26 de maio, Campo Grande volta a flexibilizar o toque de recolher, que agora vale das 22h às 5h. A mudança acontece depois de nova avaliação do Programa Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança da Economia), onde a Capital recebeu classificação de bandeira na cor laranja, indicando grau médio de perigo em relação ao contágio da covid-19.

Estão livres do toque de recolher trabalhadores da saúde, transporte, serviços de fornecimento de alimentos e medicamentos por meio de delivery, às farmácias ou drogarias, às funerárias, postos de combustíveis, indústrias, restaurantes localizados em rodovias e hotéis.

Também segue liberado após o horário especial o funcionamento de hipermercados, supermercados e mercados, sem o consumo de alimentos e bebidas no local, e o com aceso de 1  pessoa por família, exceto nos casos em que for necessário acompanhamento.

Nesta quarta-feira (12), último dia do toque de recolher iniciando às 21h, a GCM (Guarda Civil Metropolitana) abordou 61 pessoas nas ruas após o horário permitido, e fiscalizou 17 estabelecimentos que estavam funcionando de maneira irregular. Todos foram orientados a pararem o funcionamento e irem para suas casas.

No dia 26 de maio um novo mapa do programa Prosseguir será divulgado com as novas classificações de cada município, podendo alterar novamente o toque de recolher na Capital.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário