A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

17/09/2012 15:40

Acusado de matar e atear fogo em homem é condenado a 11 anos

Viviane Oliveira

Por maioria dos votos a 2ª Vara do Tribunal do Júri decidiu na última sexta-feira (14) condenar em 11 anos e três meses de reclusão em regime fechado, Arnaldo Aparecido de Assis. Ele foi condenado por ter participado na morte de Carlos Eduardo dos Santos Ferreira.

No dia 20 de abril de 2009, no bar do Marcos, no bairro Jardim Canguru, em Campo Grande, a vítima Carlos, acompanhado de outra pessoa, foi até o estabelecimento com a intenção de conversar com uma pessoa que estava no local.

Chegando lá, Carlos Eduardo se deparou com um menor que avisou para seus comparsas a chegada dele. Neste momento, a pessoa que acompanhava a vítima percebeu que se tratava de uma emboscada e fugiu.

Porém, Carlos Eduardo após uma discussão, passou a ser agredido, sendo levado para o interior do bar e morto a tiros pela pessoa que ele procurava para conversar, o menor e o Arnaldo.

Após o crime, eles levaram o corpo da vítima até a avenida Gury Marques, no bairro Santa Felicidade, abandonaram e atearam fogo aproximadamente nove metros depois da via.

O juiz responsável pelo caso, Aluizio Pereira dos Santos, condenou o réu a pena definitiva de 11 anos e 3 meses, sendo 10 pelo crime de homicídio e 1 ano e 3 meses por ocultação de cadáver.

Sobre a terceira pessoa acusada de participar do crime, o magistrado explicou que ele foi condenado à pena de 15 anos de reclusão pelos crimes.

Homem de 30 anos é esfaqueado e fica em estado grave
Bartolomeu Gomes de Araújo Barbosa, 30 anos, ficou gravemente ferido após ser atingido a golpes de faca no abdômen, na noite de ontem (12), na Rua Bo...
Após documento vazar, Sesau diz que hemogramas não foram suspensos
A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirmou que os hemogramas continuam sendo feitos na rede pública de saúde de Campo Grande. A informação inici...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions