A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

06/12/2010 12:09

Adolescente teve rosto desfigurado em acidente após morte na Vila Margarida

Ricardo Campos Jr. e Ana Maria Assis

Garota estava na garupa da moto quando vítima foi baleada e atingiu a parede de uma oficina

Emerson foi atingido pelo disparo, perdeu controle da moto e atingiu a parede de uma oficina. (Foto: João Garrigó)Emerson foi atingido pelo disparo, perdeu controle da moto e atingiu a parede de uma oficina. (Foto: João Garrigó)

A adolescente de 15 anos que estava na garupa da moto de Emerson Borges Gonçalves, 26 anos, no momento em que ele foi baleado e bateu na parede de uma oficina, ficou com o rosto desfigurado após o acidente.

“Foi um milagre minha filha ter saído viva. O rosto dela está muito machucado, os olhos, a boca. Mesmo assim ela nasceu de novo”, disse a mãe da garota Cláudia Correa, 34 anos.

Ela vai buscar a filha no hospital ainda hoje. Ao contrário do que foi divulgado inicialmente, Cláudia disse que a filha não chegou a ter traumatismo craniano.

O pai de Emerson, Adair Gonçalves, 55 anos, contou que a adolescente era namorada da vitima e foi morar com ele e os pais há algum tempo. A mãe da garota concordou e desde então os dois tinham “vida de casado”, segundo relatos de Adair.

A família continua abalada com o crime. Na manhã desta segunda-feira (6), Adair foi até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para saber notícias sobre as investigações e foi informado no local que o caso foi repassado à 3ª DP.

No entanto, o caso ainda não começou efetivamente a ser apurado na delegacia que fica no bairro Carandá Bosque. Ainda assim Emerson garante que pretende acompanhar o inquérito de perto.

”Se eu não correr atrás quem vai correr pela justiça no assassinato do meu filho?”, questiona o pai de Emerson.

Crime – O crime foi por volta das 20h30 na rua Rio Negro. Emerson estava de moto com a adolescente na garupa quando foi atingido na cabeça pelo tiro, perdeu o controle da moto e bateu na parede de uma oficina mecânica.

Moradores relataram à polícia que ouviram quatro disparos e, em seguida, o choque da motocicleta na parede da oficina Sapo Motos.

De acordo com a família, a vítima já havia sido presa por participar de uma briga. Na noite do crime o pai de Emerson recebeu informações que o filho havia se envolvido em uma discussão na feira local.

“Falaram que eles foram à feira do Jardim Novos Estados e que meu filho foi perseguido por um homem de moto”, conta. “Ele já estava vindo para a casa”, lamenta.

Curso de instrutor de trânsito do Detran oferece 50 vagas na Capital
O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) está com inscrições abertas para o curso de Formação de Instrutor de Trânsito e...
Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions