A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

17/10/2018 19:49

Aluno se feriu com pistola do pai que é 'agente de segurança', diz policia

Arma foi disparada de dentro da lancheira onde a criança escondeu a pistola

Adriano Fernandes e Geyse Garnes
Delegado Rodrigo Camapum durante entrevista após a perícia na escola. (Foto: Paulo Francis) Delegado Rodrigo Camapum durante entrevista após a perícia na escola. (Foto: Paulo Francis)

O garoto de 9 anos ferido esta tarde (17) no Colégio Adventista no Jardim dos Estados, região nobre de Campo Grande baleou o próprio pé com um tiro de calibre .40 da pistola do pai, que segundo a Policia Civil é um “agente de segurança”. O Campo Grande News apurou que a criança é filho de um perito da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), mas os nomes não foram confirmados para preservar a identidade da criança.

As informações iniciais passadas pela Policia Militar eram de que o aluno estava com uma arma calibre 6.35, conhecida como “Beretta”. Ainda conforme o delegado plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, a pistola modelo 640 foi levada pelo garoto para o colégio, dentro de uma lancheira. “Aparentemente ele teria colocado a mão e efetuado o disparo, ali de dentro mesmo da lancheira”, acrescentou.

O pai tem o porte da arma que segundo ele, era guardada dentro de um escritório. Mas o homem não soube informar como a criança teve acesso ao armamento e o porque a teria trazido para o colégio. Ele acompanhou o trabalho pericial no colégio, mas também vai prestar depoimento na delegacia.

No início desta noite, investigadores e perítos deixaram a escola que fica no Jardim dos Estados, com a lancheira e arma que também serão periciados. O tiro atingiu a perna e o calcanhar esquerdo do garoto que esta em observação na Santa Casa. Ele não vai precisar passar por cirurgia e seu quadro clínico é estável. 

Colégio - No início desta noite o colégio divulgou nota, lamentando o ocorrido e informando que vai oferecer acompanhamento psícológio aos alunos e todos aqueles que presenciaram o disparo em sala de aula. A aulas ocorrerão normalmente nesta quinta-feira (18). 

Na tarde desta quarta-feira (18) o aluno de 9 anos entrou armado na escola e disparou contra a própria coxa. A mesma bala teria atingido também o pé do garoto.

Disparo - O aluno disparou a arma por volta das 16h30 e meia hora depois foi socorrido em uma ambulância particular da empresa Qualisalva e levado para o Proncor e depois para o Prontomed da Santa Casa de Campo Grande.

 

O trânsito na região ficou tumultuado devido à saída dos alunos do colégio e ao fato de a rua ter sido fechada pelas equipes de polícia.

 

Confira o depoimento do delegado na íntegra:

Homem de 30 anos morre em hospital após ser espancado no centro
Anderson Gomes Martins, 30 anos, morreu ontem (24) na Santa Casa depois de ser espancado na região da antiga rodoviária, no centro de Campo Grande. O...
Dentistas são condenados a indenizar paciente em R$ 20 mil por negligência
Pai e filho, dentistas em Campo Grande, foram condenados pela 11ª Vara Cível a indenizar uma paciente em mais de R$ 20 mil por negligência em um impl...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions