ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 30º

Capital

Amoxicilina e clindamicina estão em falta nos postos de saúde

Remédios fazem parte de lista atualizada pela Sesau que mostra estoque nas farmácias dos postos de saúde

Por Lucia Morel | 21/01/2024 11:37
Farmácia em Unidade de Saúde no bairro Moreninhas, em Campo Grande. (Foto: Idaicy Solano/Arquivo)
Farmácia em Unidade de Saúde no bairro Moreninhas, em Campo Grande. (Foto: Idaicy Solano/Arquivo)

Relatório recente da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) mostra que 112 tipos de medicamentos estão em falta ou com estoque baixo nas farmácias dos postos de saúde de Campo Grande. Os que de fato estão ausentes das prateleiras são os geralmente mais usados e prescritos, como amoxicilina, omeprazol e clindamicina.

Desses, nenhum pode ser adquirido através do programa Farmácia Popular, mas Dipropionato de Beclometasona 250 mcg, Metformina 850 mg e Budesonida 32 mcg, que também estão em falta, podem ser encontrados nas drogarias adeptas ao programa.

Ao todo, são 36 remédios em falta e outros 73 em estoque baixo. Os dados são de 9 de janeiro, os mais recentes da pasta. Os demais medicamentos presentes na lista do SUS (Sistema Único de Saúde), 149, estão com estoque normalizado, segundo a Sesau.

Pelo Portal da Transparência, há duas licitações em andamento para aquisição de remédios pela Prefeitura de Campo Grande. A abertura das propostas está prevista para 24 e 29 de janeiro, respectivamente. Ao todo, os dois pregões prevem compra de R$ 2,7 milhões.

Veja o documento: medicamentos.pdf

Nos siga no Google Notícias