A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/07/2015 09:40

Ao ser atacado por algoz com facas, rapaz diz que matou para se defender

Luana Rodrigues
Facas que teriam sido utilizadas por André (Foto: Marcos Ermínio)Facas que teriam sido utilizadas por André (Foto: Marcos Ermínio)

Pablo Henrique José Camargo, 23 anos, confessou que esfaqueou André da Silva Ribeiro, 24, na manhã desta quinta-feira (9), na rua Calaveras, Jardim Santa Mônica, em Campo Grande. André foi morto com dois golpes de faca no abdômen, mas acusado alegou legítima defesa.

De acordo com o delegado 7ª Delegacia de Polícia Civil, Paulo Sá, responsável pelo caso, em depoimento, Pablo disse que estava em casa, quando André chegou e os dois começaram a discutir. A vítima teria se armado com duas facas de cozinha e começado a golpeá-lo. O acusado disse que conseguiu escapar do rapaz e se armou com uma faca maior de cozinha.

Ainda conforme o delegado, Pablo disse que tentou fugir de André, mas ele o perseguiu e em determinado momento os dois cairam, mesma hora em que o acusado pegou a faca que estava na cintura e golpeou a vítima, segundo ele, para se defender.

O delegado explicou que ouviu outras 4 testemunhas e o caso será caracterizado como legítima defesa. "Está bem claro que quem começou as agressões foi a própria vítima, mesmo assim, foi instaurado inquérito para apurar as circunstancias, no entanto pela condição de igualdade será legítima defesa", disse.

O acusado é o atual marido de Daniele Alves, ex-mulher de André. Os vizinhos contaram que Daniele mudou para a casa ontem e comentou que trocou de endereço para fugir do ex-marido, que não aceitava a separação e muito menos o relacionamento dela com outra pessoa.

O caso - De acordo com a Polícia, a vítima chegou de táxi na casa da ex-mulher, Daniele Alves, com quem tem dois filhos. No local, André começou a discutir com Pablo e de posse de duas facas de serra começou agredi-lo. Pablo conseguiu escapar do rapaz e se armou com uma faca maior de cozinha. Após luta corporal, André foi morto com duas facadas no abdômen, na rua. Pablo, que ficou ferido, foi levado a uma unidade de saúde da região. O crime foi presenciado por várias testemunhas.

Arma doméstica - Mato Grosso do Sul é um dos líderes no ranking nacional das mortes por armas brancas. O Estado ocupa o quarto lugar, com 32,7% dos homicídios cometidos com objetos cortantes. Os dados foram divulgados no começo do mês passado pela Folha de São Paulo e tem como base o Mapa da Violência 2015 (tabulação inédita), referente ao homicídios de 2013.

Homem é agredido e sofre afundamento de crânio na Júlio de Castilho
Márcio Ferreira dos Santos, 31 anos, foi agredido e sofreu afundamento de crânio, na noite de ontem (13), na Avenida Júlio de Castilhos, em Campo Gra...
Ceinf recebe nesta quinta parque de pneus construído por detentos
Acontece nesta quinta-feira (14), a partir das 8h no Ceinf (Centro de Educação Infantil) Rafael Abraão - CAIC Aero Rancho, a entrega do parque constr...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions