ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Após atraso, empresa diz que depositou salários dos operários de obra no HRMS

Pagamentos caíram na tarde de ontem (9) nas contas de todos os trabalhadores, segundo a EMIBM Engenharia

Por Cassia Modena | 10/07/2024 10:52
À direita, parte do grupo de trabalhadores que paralisou as atividades (Foto: Alex Machado/Arquivo)
À direita, parte do grupo de trabalhadores que paralisou as atividades (Foto: Alex Machado/Arquivo)

A empresa EMIBM Engenharia, responsável pelas obras do setor de Radioterapia e Braquiterapia do HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul), informou que depositou os salários dos operários na tarde de ontem (9). O pagamento estava atrasado desde a última sexta-feira (5).

Quando chegou o quinto dia corrido sem pagamento, os trabalhadores paralisaram as atividades e se manifestaram em frente ao hospital. A reportagem ouviu do grupo que cerca de 20 pessoas foram prejudicadas.

Por meio da assessoria de imprensa, a EMIBM reforçou que todos receberam os valores, mesmo com atraso. Ressaltou também que, no momento, a empresa ergue obras de grande porte em seis diferentes estados brasileiros.

O repasse para a empresa é feito pelo Ministério da Saúde. De acordo com o que afirmou no início deste ano o superintendente do Ministério da Saúde em Mato Grosso do Sul, Ronaldo Souza Costa, a previsão é que a construção seja finalizada até agosto.

A obra no HRMS ficou parada por mais de 10 anos, mas foi retomada há oito meses, após trâmites entre a pasta federal e o Estado, que administra o HRMS.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias