ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Assassinato de jovem que pediu carona a vizinho é investigado como feminicídio

Gabriela de Oliveira Belantani, 18 anos, foi atingida por seis tiros na noite do dia 10 de outubro

Por Ana Paula Chuva e Ana Beatriz Rodrigues | 13/11/2023 17:21
Marca de sangue na rua onde Gabriela foi baleada seis vezes (Foto: Osmar Daniel)
Marca de sangue na rua onde Gabriela foi baleada seis vezes (Foto: Osmar Daniel)

A morte da jovem Gabriela de Olivera Belantani, 18 anos, está sendo investigada pela Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) como feminicídio e violência doméstica, no entanto, nenhum detalhe do caso foi repassado pela Policia Civil. O crime aconteceu na noite do dia 10 de outubro, quando a vítima foi atingida por seis tiros, no Bairro Jardim Botânico, em Campo Grande.

Conforme apurou o Campo Grande News, o caso foi registrado na unidade que investiga os crimes contra a mulher e, diferente do que foi dito no local onde tudo aconteceu, não foi encaminhado para a 5ª Delegacia de Polícia Civil. No entanto, nesta segunda-feira (13), a delegada Analu Ferraz disse apenas que “está sob investigação”.

Gabriela abordou um vizinho para pedir carona até a casa da mãe quando foi surpreendida pelo atirador, ainda não localizado. Houve discussão e o homem disparou seis vezes contra a jovem. O condutor do Fiat Uno então socorreu a vítima até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Universitário.

A jovem morreu no caminho e, segundo a Polícia Civil, ela seria dependente química. O crime aconteceu na Rua Nilton Évora. Equipe da Polícia Militar também esteve no local. A arma usada pela atirador e o responsável pelos disparos ainda não foram encontrados.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias