A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

18/02/2014 16:17

Baleado em confronto com a PM tem 20 ocorrências de violência contra a mãe

Bruno Chaves

Baleado em confronto com a Polícia Militar na madrugada desta terça-feira (18) na Rua Campo Mourão, no Jardim São Conrado, em Campo Grande, Reginaldo Oliveira da Cunha, 31 anos, é considerado um “terror” no bairro em que mora. Ele tem uma extensa ficha criminal e só contra a mãe são 20 ocorrências de violência doméstica registrada na Polícia Civil.

Conforme a assessoria de imprensa da PC, as acusações contra ele são das mais diversas possíveis: ameaça, violência doméstica, evasão de local de custódia, furto, furto com rompimento de obstáculo, receptação, motim de presos, violação de domicílio, lesão corporal e outros.

A auxiliar de cozinha Reacilva Oliveira explica que o filho é usuário de drogas. “Ele pega tudo que tem em casa para vender na boca. Ele costuma agredir a mim e meu outro filho”, diz. Ela conta que desde a última sexta-feira (14) ele estava sob efeitos de entorpecentes e dando trabalho na vizinhança.

“Cheguei até sair de casa, mas ele disse que se eu não voltasse iria me matar. Todo mundo no bairro sabe que ele rouba e faz as coisas, mas ninguém pode fazer nada. Ele só foi preso depois que tentou roubar o vizinho, que chamou a polícia”, contou.

Reginaldo foi preso na madrugada de hoje pela Polícia Militar. Ele foi visto pulando um muro de uma residência do bairro e apontou uma arma calibre 32 para os militares, que revidaram. O acusado foi atingido no ombro e no abdome.

Ele foi levado para a Santa Casa, onde passa por cirurgia. Ele está internado sob custódia.



Gente boa o rapaz hein!
Deve tomar cuidado, desse jeito qualquer hora pode acontecer algum acidente de trabalho...
 
Luis Paulo Ribeiro de Souza em 18/02/2014 20:54:05
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions