A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

04/03/2011 06:52

Corpo de Bombeiros cria “força-tarefa" para atender ocorrências de alagamentos

Aline Queiroz

Foram empenhados 60 militares e 20 viaturas nas ações

Bombeiros ficaram a manhã de ontem no Jardim Imá. (Foto: João Garrigó).Bombeiros ficaram a manhã de ontem no Jardim Imá. (Foto: João Garrigó).

Devido à chuva que desde quarta-feira causa alagamentos em Campo Grande, o Corpo de Bombeiros criou uma espécie de “força-tarefa” para atender a todos os casos.

“Coloquei todo mundo para trabalhar”, disse o major Gilson Neto, do Ciops (Centro Integrado de Operações).

Há três anos no setor, ele nunca havia enfrentado uma situação como esta e, por este motivo, decidiu pela operação especial.

Para atuar nos trabalhos, foram 60 militares e 20 viaturas de todos os quartéis.

Apenas as unidades de resgate ficam nas bases para o caso de acontecer acidentes com vítima.

O major explica que o número total de ocorrências será fechado ainda no início da manhã.

Preliminarmente, ele aponta que foram cerca de 40 ocorrências de alagamento só ontem.

De acordo com o coordenador, os militares eram obrigados a ficar muito tempo em atendimento a uma família com casa alagada e, diante do quadro, foi necessário mudar a estratégia.

Quando a situação era mais grave, os militares orientavam as pessoas a deixar as casas.

"Eles ajudaram mesmo que fosse a levantar os móveis", completa o major.

Nos Bairros Santo Antônio e Santa Emília famílias foram removidas das residências.

A chuva que começou na quarta-feira atingiu moradores de regiões distintas de Campo Grande.

Os maiores estragos foram nos Bairros Santo Antônio, Imá, Santa Emília, Nova Campo Grande, Oliveira e Tijuca.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions