A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/09/2015 19:16

Caixa Econômica pede reintegração de posse no Residencial Celina Jallad

Alan Diógenes
Casas foram invadidas e muitas depredadas. (Foto: Marcos Ermínio)Casas foram invadidas e muitas depredadas. (Foto: Marcos Ermínio)

A Caixa Econômica Federal pediu a reintegração de posse dos invasores do conjunto habitacional Celina Jallad, no Portal Caiobá, em Campo Grande. A decisão foi tomada após reunião, na manhã desta sexta-feira (11), entre a Emha (Agência Municipal de Habitação), Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação) e Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano)

De acordo com o diretor-presidente da Emha, Dirceu Peters, em outubro deste ano, as 800 casas restantes serão entregues aos inscritos para evitar este tipo de situação. “Ainda precisamos do Habite-se e fazer as vistorias necessárias para saber quais reparos ainda precisam feitos nos imóveis”, explicou.

As invasões deixaram o clima tenso no residencial. Moradores em situação regular reclamam da truculência das pessoas que têm arrombado as unidades cujos donos ainda não conseguiram se mudar ou que ainda pertencem à Caixa Econômica Federal.

A Guarda Municipal deixou uma equipe de prontidão no local caso haja tumulto e a Polícia Militar teve que intervir por diversas vezes porque houve agressões entre invasores e moradores. Em umas das ocasiões até mesmo a equipe dos policias foi hostilizadas e a viatura apedrejada pela população.

Conforme testemunhas, assim que a PM deixa o local em algumas ocasiões, um grupo de invasores começa a arrombar e a depredar os imóveis. Há relatos também de vários jovens armados circulando pelo local.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions