A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

04/06/2018 18:29

Câmara discute no dia 5 de julho impasses no atendimento em unidades de saúde

Audiência pública visa a abordar problemas relatados por usuários no sistrema de saúde de Campo Grande

Humberto Marques

Depois de vir a público vídeo no qual parentes de um idoso que morreu em frente a uma uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento da Capital) denunciarem a falta de profissionais de saúde, a Câmara de Campo Grande realizará às 15h do dia 5 de julho a audiência pública “Impasses no Atendimento e Manutenção de UPAs, UBSs e UBSFs”.

A intenção é discutir soluções para problemas relatados por usuários do sistema diariamente, segundo informou o proponente da reunião, o vereador André Salineiro (PSDB), integrante da Comissão Permanente de Legislação Participativa. A Comissão Permanente de Saúde também faz parte da organização da audiência.

“Precisamos começar por uma fiscalização mais rígida sobre a escala de plantão dos médicos, mas também ver o que ocorre, de fato, para termos chegado nesse caos que está a saúde e pensarmos em solução definitiva e não medidas paliativas”, disparou o vereador, que propôs com a colega Cida Amaral (Pros) a retomada do terceiro turno nos postos de saúde, o que foi rejeitado neste momento –o veto ainda será analisado pela Câmara.

“Muitas vezes, a pessoa fica passando mal porque sabe que vai ter de faltar no serviço para ir ao posto, vai esperar para marcar, depois vai esperar para ser atendido e acaba ficando mais doente, termina na fila da UPA, que está cheia de pessoas na mesma situação”, argumenta Salineiro, que na semana passada se reuniu com o secretário municipal de Saúde, Marcelo Vilela, pedindo providências para reclamações sobre UPAs e postos relatadas por moradores e constatadas em visitas.

Morte – Vídeo divulgado nesta segunda-feira mostra um paciente de 74 anos caído em frente à UPA Leblon, onde aguardava atendimento. Miguel Lisboa foi levado pela família ao local, onde faleceu por volta das 5h de domingo (3). Ele recebeu massagem cardíaca e cuidados no chão, ao passo que sua família decidiu ir ao local depois de ser informada sobre a presença de médicos no local. Logo após a triagem, ele caiu, sendo socorrido por uma enfermeira e uma atendente, mas não resistiu.

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) garantiu que todos os médicos escalados estavam no local. Cinco profissionais foram convocados para o plantão noturno de domingo.

 

Prefeitura converte 8 postos em UBSFs para ampliar serviços e reduzir custos
A Prefeitura de Campo Grande transformou em UBSFs (Unidades Básicas de Saúde da Família) oito postos em diferentes regiões do município, dentro de um...
Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions