A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

14/05/2014 10:56

Capital será a 1ª do país a ter réplica de imagem de Perpétuo Socorro

Aliny Mary Dias e Helton Verão
Imagem é réplica da original produzida no século 14 (Foto: Marcos Ermínio)Imagem é réplica da original produzida no século 14 (Foto: Marcos Ermínio)

Um presente para Campo Grande. Assim é considerada a réplica da imagem ícone da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que ficará no Santuário da Diocese, situada na Avenida Afonso Pena. O quadro banhado a ouro foi trazido para a Capital durante o 1º Congresso Internacional de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, que termina na próxima sexta-feira (16).

Pela primeira vez no Brasil, uma cidade será presenteada com a réplica da imagem ícone. A original, produzida no século 14, foi entregue à Igreja Católica em 1866 e está exposta em Roma, na Itália.

Para o reitor do santuário da Capital, padre Dirson Gonçalves, tanto a vinda da imagem quanto o congresso que reúne 100 padres de 28 países do mundo, trarão visibilidade para a Capital. “Vai levar Campo Grande a uma grande projeção no cenário mundial do catolicismo. O principal é uma troca de experiência onde todos podem aprender”, diz.

O padre paraguaio Enrique Lopez, membro da Congregação Retentorista de Roma, explica que a imagem, pintada na Ilha de Creta, na Grécia, foi entregue em Roma nas mãos do então Papa Pio IX. O religioso afirma que Campo Grande foi agraciada em receber a réplica.

“Faz promover a expressão da Santa, ajuda na oração e na contemplação. Mostra a Maria mãe de Deus e da Paixão”, diz.

Padres de 28 países participam do congresso (Foto: Marcos Ermínio)Padres de 28 países participam do congresso (Foto: Marcos Ermínio)

Escolhida para receber o congresso por ser a cidade tranquila e com maior número de devotos de Perpétuo Socorro, ao lado de Curitiba, a Capital ainda contará com uma exposição de itens trazidos pelos padres. Entre eles, inclusive, há religiosos vindos das partes mais longínquas do mundo: Congo, Tailândia, Filipinas e até Honduras.

A exposição dos itens que representam os países e a religiosidade de cada padre poderão ser vistos pelos fiéis das 8h às 20h desta quinta-feira (14), no santuário.

Outro motivo para a escolha de Campo Grande para receber o congresso, ainda segundo o padre, é pela quantidade de novenas realizadas na Diocese. Todas as quartas-feiras, cerca de 20 a 25 mil pessoas passam pelas 17 novenas realizadas na Capital.

Para quem acompanha as novenas na cidade, ter a réplica da imagem na Capital é um privilégio. “Moro há 15 anos aqui e nunca falto as novenas de quarta, sinto que a cidade tem uma forte devoção por (Nossa Senhora do) Perpétuo Socorro”, completa.

Durante o congresso, a comunicação entre os padres é facilitada por meio de um sistema de uma empresa paulista. Em quatro línguas oficiais, o espanhol, inglês, italiano e português, os padres podem escolher a língua preferida e ouvem tudo o que é dito em fones de ouvido.

O padre Dirson conta ainda que o evento é considerado um “teste” para o santuário receber grandes comemorações. “Esperamos trazer mais eventos internacionais”.

Congresso termina na próxima sexta-feira (Foto: Marcos Ermínio)Congresso termina na próxima sexta-feira (Foto: Marcos Ermínio)
Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


Por ser devoto da santa desde sempre me sinto um privilegiado pois tenho o icone ( retrato ) autentico e legitimo -nominado em latim vindo do Vaticano -carimbo da Italia-por volta dos anos 60 portanto com mais de 50 anos .-pra mim significa uma Reliquia Valiosissima .
 
carlos eugenio costanzo em 14/05/2014 11:32:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions