A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/11/2011 11:00

Chuva preocupa prefeitura em obra de cratera no bairro Nova Lima

Fabiano Arruda e Wendell Reis

Campo Grande News mostra balanço de obras em andamento e paradas na Capital

Chuva de 15 dias atrás já havia piorado situação no local. (Foto: Simão Nogueira)Chuva de 15 dias atrás já havia piorado situação no local. (Foto: Simão Nogueira)
Imagem registrada nesta segunda justifica preocupação de autoridades.Imagem registrada nesta segunda justifica preocupação de autoridades.

Das obras executadas em Campo Grande, a recuperação da cratera na Rua Marquês de Herval, bairro Nova Lima, é a que mais preocupa a prefeitura por conta da chuva desta segunda-feira. A afirmação é do prefeito Nelsinho Trad (PMDB).

A situação no local já havia piorado com a última chuva, ocorrida no dia 30 de outubro, quando o buraco aumentou dois metros e chegou a engolir a calçada de uma construção.

O secretário municipal de Obras, João Antônio de Marco, por sua vez, declarou que a chuva acaba por prejudicar toda obra em andamento na Capital. Segundo ele, os serviços mais prejudicados são os que têm terra.

“A cada dia de chuva nestas obras é preciso quatro dias de sol”, exemplifica, destacando que a prefeitura pretende entregar o máximo de obras “o mais rápido possível” justamente por conta do período chuvoso típico dos próximos meses.

De Marco comenta que os trabalhos de construção civil são menos prejudicados.

O secretário ainda comentou que a chuva também pode causar atraso no andamento das obras do Córrego Lagoa, que consiste em 17 quilômetros de avenidas, da Duque de Caxias à saída para Sidrolândia, e leva asfalto para 15 bairros.

Entre as obras estruturais lançadas pela prefeitura no aniversário da cidade, em agosto, o secretário de governo, Rodrigo Aquino, diz que todas estão em andamento.

“Das três frentes de obras, a serem inauguradas, ordens de serviço e para abertura de licitação, tudo está sendo cumprido, inclusive algumas já foram inauguradas”, comenta Aquino, referindo-se ao Parque Linear Presidente Jânio Quadros, Via Morena e UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24 horas do bairro Universitário, bem como os corredores de transporte coletivo espalhados em diversos bairros.

As equipes da prefeitura seguem com trabalhos no Hospital do Trauma, Orla Ferroviária, Orla Morena I, Centro Municipal de Belas Artes, Centro Cultural Multiuso, Complexo Imbirussu-Serradinho e Parque Linear do Córrego Lagoa, informa o secretário de governo.

Aquino explica ainda pelo menos duas obras são tocadas de forma parcial. A recuperação da avenida Ernesto Geisel, por exemplo, recebeu reparos emergenciais da prefeitura, no entanto, a obras está vinculada ao PAC I e depende do restante dos recursos para ser concluída.

A outra é a voçoroca do bairro Novo Século. Conforme Rodrigo, a administração municipal executa obras de asfalto e drenagem no bairro Cidade Morena, no contudo, o restante do projeto depende de liberação do Ministério da Integração.

Já as obras paradas se referem à pavimentação e drenagem nos bairros Aero Rancho, Nashiville, Novo Amazonas e Guanandi, que dependem da liberação de verbas por emendas federais.

“Só para se ter uma ideia no Novo Amazonas e no Guanandi as obras foram executadas com 70% de recursos da prefeitura. Até agora não veio um centavo de Brasília”, destacou Aquino.

A revitalização do Parque do Sóter, que terá obras para contenção de erosão, também depende de projeto, ainda em execução.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions