A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

08/11/2017 12:00

Chuva transforma ruas do Jardim Palmira em “campo minado”

Veículos que se arriscam entre os buracos terminam em oficinas, desabafam moradores

Guilherme Henri e Mirian Machado
Buraco com água da chuva na rua Ponta Porã (Foto: André Bittar)Buraco com água da chuva na rua Ponta Porã (Foto: André Bittar)

As fortes chuvas que atingiram Campo Grande nos últimos dias transformaram o bairro Jardim Palmira, região oeste da Capital, em um verdadeiro “campo minado”. Moradores reclamam que as ruas estão intransitáveis e os motoristas que se arriscam em meio as crateras terminam em oficinas.

Por meio do canal “Direto das Ruas”, o leitor que se identificou como Nerion Diovan Quincozes, relatou que as ruas do bairro “nunca estiveram tão esburacadas” e ainda sugeriu que a equipe visitasse o bairro para que averiguasse a situação.

A reportagem visitou cinco ruas do bairro na manhã desta quarta-feira (8) e averiguou que em todas as vias a situação é a mesma: “buraco ao lado de buraco”.

Conforme a recepcionista, Evelyn Delgado Jara, 27 anos, que trabalha em um Pet shop que fica na rua Marechal Hermes, desde março deste ano que o problema se agravou. “ Só neste ano o carro que faz busca e entrega de animais passou por manutenção três meses. O bairro nunca ficou tão feio quanto este ano”, detalha.

Buracos na rua Rua Jerusalém (Foto: André Bittar)Buracos na rua Rua Jerusalém (Foto: André Bittar)

Opinião que é compartilhada pelo aposentado Ganthi Winckler, 66 anos, morador há 35 anos da rua Palestina. Segundo ele, além dos moradores quem mais sofre com os buracos são os amortecedores dos veículos. “Sempre quando chove piora. Isso aqui fica parecendo um campo minado”, desabafa.

Já o auxiliar de enfermagem Inácio Poquiviqui, 52 anos, que mora há 15 anos na rua Rua Jerusalém, afirma que ele juntamente com demais moradores fizeram inúmeras solicitações para que seja feito o serviço de tapa-buraco no bairro, mas não foram atendidos. “Também mandamos fotos e pedimos para vereadores, porém nada foi feito”, disse.

Cansados da situação, alguns moradores resolveram por conta própria tapar alguns dos buracos com cimento ou restos de obras. O problema, como foi visto no local é que com as chuvas o “serviço” acaba sendo em vão, pois os buracos reabrem.

Aposentado Ganthi Winckler, 66 anos (Foto: André Bittar)Aposentado Ganthi Winckler, 66 anos (Foto: André Bittar)

Prefeitura – Por meio de nota, a Prefeitura de Campo Grande disse que está em andamento o processo de licitação para contratar novas empresas que vão fazer a manutenção das ruas pavimentada.

A expectativa é de que a partir de dezembro o trabalho seja retomado nas sete regiões urbanas da cidade. Enquanto isto, o serviço é feito por três equipes da própria Prefeitura que atua nos pontos mais críticos e com atendimento às demandas geradas pelo aplicativo Fala Campo Grande e no telefone 156.

Direto das Ruas - Sugestões de pauta podem ser enviadas pelos canais de interação entre a redação e o leitor. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, fotos, áudios e vídeos, pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 9 9955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Veja vídeo enviado por moradores: 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions