ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 39º

Capital

Com apenas 25 na fila, vacinação "a pé" começa com movimento tranquilo na UCDB

Atendimento no drive-thru montado no local continua funcionando

Por Liniker Ribeiro e Ana Paula Chuva | 02/08/2021 13:49
Movimento tranquilo, no início da tarde desta segunda, no posto de vacinação da UCDB (Foto: Paulo Francis)
Movimento tranquilo, no início da tarde desta segunda, no posto de vacinação da UCDB (Foto: Paulo Francis)

Além de atender a população por meio do drive-thru, a partir de hoje (2), o ponto de vacinação montado na UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) oferece atendimento a pedestres que precisam tomar a primeira ou segunda dose da vacina contra a covid-19. O serviço foi lançado às 12h30, com movimento tranquilo.

Logo no início da vacinação, apenas 25 pessoas aguardavam atendimento. Aos 58 anos, a aposentada Célia Maria Gomes, foi uma delas. “Achei uma boa a opção a pé. Esta é minha segunda dose e a primeira tomei no posto do Coronel Antonino. Aqui ficou bem melhor”, destaca a moradora do Jardim Talismã.

Aos 28 anos, Jéssica tomou a primeira dose da vacina em nova sala de vacinação (Foto: Paulo Francis)
Aos 28 anos, Jéssica tomou a primeira dose da vacina em nova sala de vacinação (Foto: Paulo Francis)

Na expectativa de tomar a primeira dose, Jéssica Loren dos Reis Pereira Nascimentos, de 28 anos, chegou uma hora antes do início da vacinação. “Estava ansiosíssima pela dose e cheguei aqui às 11h30 “, conta.

Para ela, o início da imunização traz alívio para continuar sua rotina. “Teve um vizinho que morreu em decorrência das complicações da covid, há uma semana. Ontem mesmo foi a missa de sétimo dia. A gente fica mais preocupado ainda”, comenta.

A tarde também começou com movimento tranquilo para quem foi se vacinar de carro ou moto, sem longas filas. Com os pais já vacinados, a ampliação do público a ser imunizado deu oportunidade para o contador Jean Azeredo, de 28 anos, tomar a primeira dose hoje.

“Eu agradeço muito! A gente sabe que é um passo de melhora, dá uma agonia quando você conhece alguém que teve a doença, ainda mais que eu tenho criança pequena e meus pais que já são de idade”, comenta.

Mesmo consciente de que ainda é preciso se cuidar, o advogado Lucival Bento Paulino filho, de 28 anos, demonstra alegria com a oportunidade de vacinar. “A gente espera há muito tempo para poder ter essa vacina e acho que é importante que esse momento tenha chegado agora. A gente não se sente aliviado de verdade, até que todo mundo esteja realmente imunizado, mas a gente entende que está avançando, então fico feliz”, afirmou.

Movimento também era tranquilo no drive-thru da UCDB, no início da tarde (Foto: Paulo Francis)
Movimento também era tranquilo no drive-thru da UCDB, no início da tarde (Foto: Paulo Francis)

Quem pode vacinar – Nesta segunda-feira, a prefeitura de Campo Grande abriu calendário para pessoas com 28 anos ou mais tomarem a primeira dose da vacina. Além disso, a segunda dose está disponível para quem recebeu a primeira vacina da Coronavac até o dia 6 de julho, da Astrazeneca até 29 de maio, e da Pfizer até o dia 1° de junho.

Todas as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e a Seleta vacinam das 13h às 16h45. Nos drives da Albano Franco, Cassems, UCDB e Ayrton Senna, a imunização começa às 12h30 e vai até 22h. No Ginásio Guanandizão, das 12h30 às 22h e no IMPCG, das 13h30 às 19h30.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário