A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/06/2011 15:41

Com baixo estoque de sangue A+, Hemosul pede urgência em doações

Ana Paula Carvalho

Na manhã desta quarta-feira (15), o Hemosul tinha apenas 20 bolsas de sangue A+ no estoque, quando a demanda era de 80. Foi necessário atender apenas as ocorrências de urgência. Pacientes com cirurgia eletiva marcadas tiveram que esperar.

O Hemosul atende todo o estado e, para garantir que todos recebam as doações, precisa ter, pelo menos, 100 bolsas de sangue A+ no estoque diariamente. Isso porque, essa é a tipagem mais comum.

Por dia, é necessário coletar sangue de 120 a 150 doadores dessa tipagem, mas pouco mais de 80 pessoas comparecem ao local.

As doações devem ser feitas em caráter de emergência, já que as transfusões de sangue para atender pacientes nos hospitais acontecem sem data prevista e rapidamente.

Os estoques do tipo B+ e B- também estão baixos, mas não estão em estado crítico.

Para ser um doador, é necessário ter entre 18 e 65 anos, estar gozando de boa saúde e estar bem alimentado. O doador não pode ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, nem algum tipo de medicação nas últimas 24h.

O Hemosul funciona das 7h às 17h30, na Avenida Fernando Corrêa Costa, 1304. O telefone é (67) 3312-1500.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...




Não entendo o procedimento bem porque eles pedem doações mas os hemocentros e os hospitais não doam.Eles vendem o sangue bem caro.E há outras técnicas mais seguras .Não chegou a hora de parar de usar um tratamento tão rudimentar e perigoso ?
 
Dora Quevedo em 26/03/2012 08:40:56
Parabéns ao Hemosul ao CG News.
Preocupante. No entanto, muitos procedimentos cirúrgicos, inclusive no trauma, podem ser executados sem transfusões de hemoderivados. São técnicas seguras, econômicas e relativamente simples.

veja pg 8 de uma revista de anestesiologia no link
http://issuu.com/omarinho/docs/bahianest_abril_2010
http://www.youtube.com/watch?v=7xJGvf9DjNg
 
James Vicentim em 07/10/2011 08:35:28
Estive hoje no hemosul, assim que fiquei sabendo da necessidade, para fazer minha doação voluntária. Faço por vontade própria e seria muito bom se outros assim o fizessem, sem esperar vantagem em troca, pois muitas pessoas precisam desse ato para sobreviver. Ajudar o próximo sem obrigação e sim por vontade própria é um ato de muito respeito e que merece incentivo!!
 
Tatiana Fernandes em 15/06/2011 05:23:20
Vale resaltar que o dia de folga é concedido ao funcionario por boa vontade da empresa, que não é obrigada a liberar o funcionario no dia da doação.tantos beneficios por que não dão a carterinha a todos os doadores?
 
Samuel Santana em 15/06/2011 04:45:12
Acho que deveria capacitar os tecnicos para um melhor atendimento aos doadores, porque são desprepados não todos mais a metade.
E para os doadores deveria haver uma quantia em dinheiro para incentivar mais.
 
Samuel Santana em 15/06/2011 04:29:12
Doar sangue é um ato de solidariedade. Você pode salvar uma vida, ou várias. No texto não fala, mas ao doador, é concedida uma série de vantagens, dentre as quais estão: Poder tirar o dia da doação de folga do serviço. Descontos nas taxas de concursos públicos, descontos em cinemas e shows onde em algumas cidades já é comum.
Doe sangue, vale a pena.
Abraços
 
André Luiz em 15/06/2011 04:08:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions