A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

26/04/2018 19:42

De cara nova, escola reformada por presos é entregue no Tijuca

Adriano Fernandes
Pátio da escola que foi reformado pelos detentos. (Foto: Juarez Júnior) Pátio da escola que foi reformado pelos detentos. (Foto: Juarez Júnior)

Realizada por detentos do regime semiaberto do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira, a reforma da Escola Estadual Aracy Eudociak, no bairro Tijuca II, em Campo Grande, foi entregue nesta quinta (26). A solenidade foi acompanhada pelo secretário-adjunto de Estado de Educação, JosimárioDerbli, e o juiz Albino Coimbra Neto, idealizador do Projeto Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade.

A obra é a nona realizada pelo projeto e contemplou a troca do piso, revisão no telhado, sistema elétrico, ventiladores, hidráulica, pintura, banheiros, sala dos professores, biblioteca, quadra, fachada e jardinagem, da unidade escolar.

“A escola está linda! Tudo o que foi proposto foi realizado e ainda foram além, construíram a biblioteca, almoxarifado, ampliaram a sala de recurso e separaram a sala de rádio”, destacou a diretora da escola, Gisele Maria Bacanelli.

O transporte do presídio até o canteiro de obras e o salário são custeados pela SED (Secretaria de Estado de Educação). Os custos e materiais utilizados na reforma também são pagos como parte do salário do detento. “Este é um projeto muito importante e significativo, especialmente para nós, da educação”, afirmou Josimário.

O projeto - Desde 2014, o projeto Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade já passou pelas escolas estaduais Professora Brasilina Ferraz Mantero, Padre Mário Blandino, Professora Flavina Maria da Silva, Padre José Scampini, José Ferreira Barbosa, Professor Emygdio Campos Widal, Professora Alice Nunes Zampiere e Delmira Ramos dos Santos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions