A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

17/04/2019 13:39

De olho no 1° emprego, 630 jovens recebem dispensa das Forças Armadas

Certificado de dispensa garante ingresso no setor público e privado e regulariza situação militar do cidadão

Ronie Cruz
Mais de 600 adolescentes lotaram quadra do Ayrton Senna em cerimônia nesta quarta-feira (17) (Foto: Ronie Cruz)Mais de 600 adolescentes lotaram quadra do Ayrton Senna em cerimônia nesta quarta-feira (17) (Foto: Ronie Cruz)

Pelo menos 630 rapazes nascidos em torno do ano 2000 receberam nesta quarta-feira (17) em Campo Grande o CDI (Certificado de Dispensa de Incorporação), que é o documento que atesta a regularização com o serviço militar daqueles que não foram selecionados para servir às Forças Armadas. O documento indispensável para qualquer homem brasileiro é também o ‘passaporte’ para jovens que estão de olho no 1º emprego.

A observação em relação ao compromisso dos jovens com o alistamento é da secretária da Junta do Serviço Militar de Campo Grande Silvia Azevedo de Matos. Após o juramento à bandeira na cerimônia realizada no Parque Ayrton Senna pela manhã, a secretária disse que os adolescentes estão mais atentos às datas para o alistamento militar logo quando completam 18 anos, idade obrigatória de regularização para qualquer cidadão brasileiro do sexo masculino.

Secretária da Junta Militar diz que jovens estão cada vez mais preocupados com as obrigações militares (Foto: Ronie Cruz)Secretária da Junta Militar diz que jovens estão cada vez mais preocupados com as obrigações militares (Foto: Ronie Cruz)

“Devido à maior necessidade do mercado de trabalho o jovem tem buscado estar em dia com a a obrigações com o serviço militar”, afirmou. A falta do documento dificulta o ingresso tanto no setor público quanto no privado. Segundo a secretária, a Junta do Serviço Militar do município registra em média 8 mil inscritos anualmente, sendo que do total entre 3 e 4 mil são incorporados no Exército e na Aeronáutica.

O documento de dispensa, por exemplo, vai garantir que o Vitor Hugo 19 anos dê sequência ao processo seletivo para uma vaga de emprego em uma empresa de telemarketing. A mãe dele, Elaine de Souza dos santos, 38, e a avó acompanharam o jovem na cerimônia. “Na hora de arrumar emprego registrado se a pessoa fala que não tem reservista a empresa nem pega. E ele já está com a vaga encaminhada”, disse a mãe reafirmando a importância do certificado.

Vitor Hugo ao lado da mãe (à esq.) e da avó (à dir.) vai usar CDI para entrar no 1º emprego (Foto: Ronie Cruz)Vitor Hugo ao lado da mãe (à esq.) e da avó (à dir.) vai usar CDI para entrar no 1º emprego (Foto: Ronie Cruz)

O mestre de obras Franceildo Santana Pereira, 55, não deixou a ocasião passar em branco e fez questão de fazer um vídeo com o celular do momento em que o filho recebe o CDI. Wesley Santana, 18, já está no mercado de trabalho e atua como menor aprendiz em um hospital. “Esse é o momento que ele já está virando homem né? Está se encaminhando pra vida. Chegou nessa idade não pode deixar passar”, disse.

“O juramento à bandeira é para que todos tenham a consciência do que significa o certificado mesmo tendo sido dispensados por causa do excesso de contingente e porque o Brasil, felizmente, não está em situação de guerra”, enfatizou.

A Junta do Serviço Militar de Campo Grande fica na rua Antônio Maria Coelho, nº 300. O horário de funcionamento é das 7h30 às 12h e das 13h às 16h. Todo jovem nascido no ano 2000 ou que ainda não tenha se alistado precisa comparecer a junta ou fazer o alistamento pelo site.(acesse aqui)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions