A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

31/01/2013 10:35

Defesa Civil reconhece situação de emergência por dengue na Capital

Aline dos Santos
Larvas do mosquito Aedes Aegypti em recipiente. Em Campo Grande, mais de 15 mil casos da doença transmitida pelo mosquito já foram notificados. (Foto: Rodrigo Pazinato)Larvas do mosquito Aedes Aegypti em recipiente. Em Campo Grande, mais de 15 mil casos da doença transmitida pelo mosquito já foram notificados. (Foto: Rodrigo Pazinato)

A Defesa Civil Nacional reconheceu a situação de emergência em Campo Grande devido à epidemia de dengue. O decreto foi publicado pela Prefeitura no último dia 21. Hoje, o documento foi reconhecido pelo secretário nacional da Defesa Civil, Humberto Viana.

Conforme a Prefeitura de Campo Grande, a medida foi necessária devido ao baixo estoque de medicamentos da gestão anterior e a falta de trabalho preventivo em 68 microrregiões da cidade ao longo de 2012. Em 2007, no auge de epidemia, foram 12.192 mil casos no mês. O decreto municipal tem validade de 180 dias.

No último sábado, o secretário de Saúde, Ivandro Fonseca, afirmou que o decreto vai ser usado para reforçar em 50% o estoque de medicamentos e material hospitalar nos posto de saúde de Campo Grande. A compra será com dispensa de licitação.

A Capital registra em 2013 a maior epidemia de dengue da história, com mais de 15 mil casos. a situação foi agravada com a circulação do tipio 4 da dengue, ao qual toda população está suscetível. 



Olha é muito preocupante, hoje é difícil uma pessoa da família não estar com dengue e o pior atinge todas as faixas etárias, onde a gente vai alguém comenta '' fulano que eu conheço está internado com dengue", andando pela cidade podemos observar que tem muita sujeira em terrenos baldinhos e o pior praças abandonadas pela prefeitura, ali mesmo nas proximidades da Júlio de Castilho encontra-se a praça Paraguaia, muito suja, com mato alto, e cacos de vidro pelo chão, servindo apenas de abrigo para vândalos, o próprio Campo Grande News já publicou o descaso da Prefeitura com esta praça, no entanto a praça já está na mesma, isso causa aos moradores muita indignação e revolta, as pessoas dizem '' Pagamos impostos e não podemos contar com a prefeitura''.
 
Suzy da Silva Gonçalves em 31/01/2013 11:20:03
Compra com dispensa de licitação????!!!! Espero que o Ministério Público Estadual esteja atendo a estas compras. A situação é de emergência sim. Mas já havia previsão deste fato. Porque não preveniram?? Os partidos gastaram muito na eleição municipal e um acontecimento deste é uma ótima oportunidade para por as contas em dias. Então devemos ficar atentos. Espero que a Prefeitura Municipal faça a prestação de contas destas compras e que os preços estejam dentro da média do mercado.
 
Paul Martins em 31/01/2013 11:01:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions