A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/07/2015 18:50

Demora no atendimento gera confusão em posto de saúde na Capital

Michel Faustino

A demora no atendimento médico terminou em confusão na UPA (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Universitário, em Campo Grande, na tarde de ontem (30). Revoltado, um paciente , de 40 anos, teria agredido verbalmente os funcionários da unidade e precisou ser contido por agentes da Guarda Civil Municipal. A ação, considerada truculenta, revoltou outros pacientes.

Um vídeo do momento do ocorrido está circulando nas redes sociais. Nas imagens, o homem aparece caído no chão, cercado por dois agentes, que estão tentando lhe algemar. Um deles utiliza um cassetete. Mesmo caído, em certo momento, o homem chuta os guardas e logo é retirado pelas pessoas que estavam no local. VEJA A BAIXO

 

Durante a noite, funcionários da unidade de saúde e os agentes da guarda procuraram a polícia para registrar boletim de ocorrência.
No registro policial, consta que o paciente teria ficado muito irritado e se descontrolou por conta da demora no atendimento, momento em que ele passou a xingar os funcionários da unidade de saúde.

Conforme o registro, os agentes tentaram controla-lo, mas ele reagiu a abordagem, passou a ofender os servidores e chegou a cair no chão.

O paciente, por sua vez, negou que tenha feito xingamentos ou cometido agressões e afirma que foi espancado pelos guardas.

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informou que no momento do ocorrido o fluxo de atendimento na unidade de saúde estava normal, com quadro clínico completo, cinco médicos atendendo.

Segundo a Sesau, a demora no atendimento aos pacientes é por conta da classificação de risco. Casos de urgência são prioritários.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions