A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

02/04/2014 19:22

Desesperada, família procura pistas de empresário em bairros da Capital

Alan Diógenes
Segundo esposa, Erlon não tinha motivos para fugir de casa. (Foto: Reprodução/Facebook)Segundo esposa, Erlon não tinha motivos para fugir de casa. (Foto: Reprodução/Facebook)

A Polícia e a família do empresário Erlon Peterson Pereira Bernal, 32 anos, que desapareceu quando foi mostrar o veículo a um comprador, por volta das 14h de ontem (1º), ainda não possuem pistas do paradeiro dele. Familiares estão reunidos na casa do sogro de Erlon em busca de notícias, enquanto os irmãos o procuram pelos bairros de Campo Grande.

De acordo com sua esposa, a comerciante Dayane Perez Bernal, 32 anos, ela não recebeu nenhuma ligação do marido até agora. A família esta desesperada, por que não havia motivo para o empresário fugir de casa. Nos últimos dias ele não aparentou estar chateado com nenhum problema.

Segundo a prima, a fisioterapeuta Datiene Rodrigues Bernal, 32 anos, policiais da Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos), que cuidam do caso, informaram que ainda não tiveram nenhuma sobre a localização de Erlon.

A Polícia utilizou uma aeronave para sobrevoar a Capital nesta quarta-feira (2) em busca de pistas de Erlon ou do veículo. A hipótese de sequestro não é descartada pelos policiais nem pela família.

Datiene disse que os familiares suspeitam que o sumiço do empresário foi armado com antecedência pelo suposto comprador do veículo. Erlon anunciou a venda no site Bom Negócio e uma pessoa entrou em contato com ele pedindo para ver o carro. O empresário foi ao encontro em uma residência próximo à fábrica da Coca-Cola e depois não foi mais visto. Ninguém da família conhece, sabe o nome ou o contato do comprador.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions