A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

06/08/2015 17:04

Desespero e crise faz mãe trocar sofá por uma lata de leite para bebê

Edivaldo Bitencourt e Juliana Brum
Dayane Paraguaçu conta que neste mês suas clientes desapareceram diante da crise (Foto -Fernando Antunes)Dayane Paraguaçu conta que neste mês suas clientes desapareceram diante da crise (Foto -Fernando Antunes)

A crise econômica chegou com tudo ao salão da manicure Dayane Paraguassu, 25 anos, mãe de três meninas e residente no Conjunto Rouxinóis, na saída para São Paulo, em Campo Grande. Nesta semana, ela colocou o único sofá do pequeno salão a venda por R$ 65 ou aceita troca por lata de leite em pó para amamentar a filha de quatro meses.
O drama da mulher foi exposto no Facebook, onde ela anunciou o móvel e apresentou as condições de pagamento. Dayane é uma das filhas da atual crise econômica do País.

Mãe das pequenas Mikaelly Paraguassu Gomes, 4, Fernanda Mel Paraguassu Romero, 2, e Antônia Sofia Paraguassu Flores, de quatro meses, ela divide com a mãe, Ninpha da Silva Cândido, 45, que está desempregada, uma casa cedida pelo tio.

Como não teve clientes no salão nos últimos três sábados, Dayane já vendeu o berço e o carrinho de bebê para comprar alimentos para as crianças. Como a carestia, como dizem os antigos, ainda compromete a situação da família e a manicure não vê necessidade de pedir ajuda, ela decidiu colocar o sofá a venda para garantir o leite Nan 1 Pro para amamentar a bebê de colo, que não aceita mais mamar no peito da mãe.

Lata de leite em pó custa R$65,99 reais, por isto ela está vendendo o sofá pelo mesmo valor para que possa comprar uma lata que garanta a próxima semana ( Foto - Fernanda Antunes)Lata de leite em pó custa R$65,99 reais, por isto ela está vendendo o sofá pelo mesmo valor para que possa comprar uma lata que garanta a próxima semana ( Foto - Fernanda Antunes)
Isis Mikaelly modelou ao ver o fotógrafo fazendo caras e bocas para sair na foto ( Foto - Fernando Antunes)Isis Mikaelly modelou ao ver o fotógrafo fazendo caras e bocas para sair na foto ( Foto - Fernando Antunes)

Alheia a crise, a menina passou a só tomar leite na mamadeira. Segundo Dayane, uma lata de leite é suficiente para alimentar a pequena por cinco dias consecutivos. Em caso de revezar com o leite materno, o produto pode chegar a 30 dias.

Como os clientes sumiram, ela decidiu vender o sofá do salão. No entanto, as clientes não vão sentar no chão, porque cadeiras de fio.

Dayane deixa claro que não fez a postagem no Facebook com o fim de causar comoção ou pedir socorro. A medida extrema foi tomada com dignidade, na esperança de que a crise é “passageira”. [

Ela também conta com a pensão paga pelo pai de uma das meninas, que desembolsa R$ 200 por mês. O segunda ajuda eventualmente com R$ 100. O terceiro, que é militar do Exército, ainda depende de decisão da Justiça para pagar a pensão.

Ela cobra R$ 25 para fazer pés e mãos. A pintura decorada nas unhas pode custar R$ 30. Antes da crise, a manicure atendia até quatro clientes aos sábados.

Quem quiser comprar o sofá ou ajudar, o telefone de Dayane é 9154-8076 ou da mãe: 9148-7035.

Família diante da crise se une e resolve vender objetos para não deixar faltar nada em casa ( Foto - Fernando Antunes)Família diante da crise se une e resolve vender objetos para não deixar faltar nada em casa ( Foto - Fernando Antunes)
Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


Revolta como nós mulheres deixamos esse homens nos usarem e nos abandonarem cheia de filhotes nessa selva louca em que vivemos.
Quer ajudar? Arrumem uma forma dessa mulher não procriar mais,porque senão vai passar fome mesmo!
 
judite da silva araujo em 07/08/2015 11:51:23
Isso que é exemplo de dignidade: vende seus pertences para não deixar faltar o alimento àss filhas, ao invés de se prostituir ou roubar, como muita gente faz e depois usa de desculpas para justificar essas atitudes. Merece realmente ser ajudada por todos!!!
 
Maria do Carmo Pinho da Silva em 06/08/2015 19:25:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions