ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 17º

Capital

Documento vai garantir regularização de farmácias públicas clandestinas

Flávia Lima | 16/06/2015 11:27

O (CRF) Conselho Regional de Farmácia de Mato Grosso do Sul e a prefeitura assinam logo mais, às 14 horas, um termo de compromisso que vai garantir a regularização das farmácias públicas municipais. O documento será assinado pelo secretário de Saúde de Campo Grande, Jamal Salém e o presidente do CRF, Ronaldo Abrão.

Atualmente todas as farmácias públicas de Campo Grande estão irregulares ou atuam de forma clandestina, sem registro no Conselho. A prefeitura ingressou com uma ação judicial contra o Conselho para provar que o município não tinha farmácias, mas sim dispensários de medicamentos, o que pela legislação, não obriga o poder público a manter um responsável técnico no local.

No entanto, como esses locais atendem a população, o presidente do CRF disse que é necessário a presença de um profissional.

Com a ação judicial, o órgão ficou impedido de autuar o município tanto pela falta de farmacêuticos nas farmácias quanto pelo falta de registro dos estabelecimentos. Com isso, o Conselho cancelou todas as Certidões de Regularidade dessas farmácias, porém na prática elas continuam operando.

Para resolver o impasse e também para evitar danos ao meio ambiente, foi criado o termo onde o CRF se compromete a facilitar o registrar das farmácias públicas municipais, isentando a prefeitura de taxas e encargos e em contrapartida a Secretaria de Saúde se empenhará em registrar os estabelecimentos e providenciar assistência farmacêutica nas farmácias das Unidades Básicas da Saúde da família.

Nos siga no Google Notícias