A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/03/2015 09:04

Dono de sítio onde morreu menino pode ser indiciado por homicídio

Filipe Prado

O proprietário do sítio no Bairro Vivendas do Parque, onde um menino de 13 anos morreu eletrocutado neste sábado (28), pode ser indiciado por homicídio doloso. O adolescente retornava de um córrego onde se banhava com amigos, quando encostou na cerca.

Segundo o delegado Enilton Zalla, da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Piratininga, a cerca foi feita de forma irregular e possui uma potência maior do que os artigos de segurança feitos de forma regular. “Ele criou uma rede elétrica”, comentou.

Zalla contou que no ano passado uma situação parecida aconteceu no mesmo sítio, o que leva a crer que ele sabia sobre os riscos da criação da cerca elétrica.

No local da morte não foi encontrada nenhuma sinalização indicando a eletrificação da cerca e, segundo os moradores da região. O proprietário fugiu do local e ainda não foi encontrado pela polícia.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions