A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

03/02/2018 07:39

Dupla afirma que apanhou de 18 pessoas após “mexer” com garotas

Antes, vítimas foram expulsas de tabacaria em meio a discussão com proprietário; eles alegam terem sido agredidos quando seguiam para conveniênica na rua Antônio Maria Coelho

Humberto Marques

Dois homens, de 27 e 24 anos, foram espancados por um grupo de 18 pessoas na madrugada deste sábado (3) na Vila Planalto, em Campo Grande. As agressões, conforme informações do boletim de ocorrência, ocorreram após eles provocarem duas garotas no cruzamento da rua José Fragelli com a avenida Noroeste.

O relato à Polícia Civil narra que a dupla estava com uma terceira pessoa em uma tabacaria nas imediações, de onde foi expulsa ao discutir com o proprietário por conta do valor da comanda. Os dois rapazes solicitaram um motorista via aplicativo e deram como ponto de encontro uma conveniência na rua Antônio Maria Coelho, próximo ao local da agressão.

Seguindo para o local, os rapazes teriam mexido com duas garotas que estavam em frente a uma casa. Após esse fato, as vítimas afirmam que foram cercados por 18 pessoas e agredidos.

A pessoa que estava na tabacaria com a dupla seguiu para o local da confusão, mas diante de ameaças decidiu deixar o local –voltando após perceber a chegada de uma guarnição da Polícia Militar.As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e levadas desacordadas para a Santa Casa para o primeiro atendimento, antes de serem encaminhados a outra unidade de saúde com vaga para receber os pacientes.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro como lesão corporal dolosa. Não há informações sobre a prisão dos autores das agressões.

Marido é preso por espancar mulher, que sofreu traumatismo craniano
Estevão Riquelme da Silva, 25 anos, foi preso por tentativa de feminicídio após espancar a mulher de 27 anos, no domingo (28), na favela Morro do Man...
Homem morre na Santa Casa cinco dias depois de ser espancado
José Antônio Lopes, 52 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (15) na Santa Casa cinco dias depois de ser espancado na residência dele, localizada...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions