A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

07/01/2016 12:39

Em obras há 14 anos, Hospital do Trauma já consumiu R$ 6 milhões

Mayara Bueno
Equipes da Santa Casa estavam na obra, nesta manhã, preparando local para visita. (Foto: Fernando Antunes)Equipes da Santa Casa estavam na obra, nesta manhã, preparando local para visita. (Foto: Fernando Antunes)

Iniciada em 2002, a construção do Hospital do Trauma já passou por diversas fases, incluindo paralisação e retomada, mas ainda não foi concluída. Com isso, a obra que já consumiu pelo menos R$ 6 milhões, deve, até o fim da obra, chegar a R$ 23 milhões.

Nesta quinta-feira (7), será assinada a autorização para o edital de licitação da obra de conclusão, com a presença do ministro da Saúde, Marcelo Castro, e o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). O evento acontece na governadoria, às 15 horas.

Nesta fase, será gasto, segundo o presidente da Santa Casa, Esacheu Nascimento, R$ 10,5 milhões, fruto de acordo firmado entre a instituição de saúde, governo estadual e federal, além da Prefeitura de Campo Grande, no ano passado. Ainda será necessário R$ 7 milhões, já assegurados pelo Ministério da Saúde, para aquisição de equipamentos, segundo o presidente. Em 14 de janeiro está prevista a abertura do edital para a disputa da empresa que assumirá a construção.

A ideia inicial do projeto era de uma maternidade, mas em 2005 houve alteração na finalidade para uma unidade especializada em trauma, em virtude do crescente número de vítimas de acidente de trânsito, especialmente envolvendo motocicletas.

No entanto, em 2012, a obra foi paralisada pelo Ministério da Saúde, e no fim de 2015 houve o acordo para que finalmente a construção, anexa ao prédio da Santa Casa, na Rua 13 de Maio, seja entregue a população. Desde a alteração da finalidade até a data da paralisação, a obra já havia consumido R$ 6 milhões, segundo o presidente.

Nesta fase, que inclui o acabamento do prédio, além da parte elétrica e hidráulica, o Ministério da Saúde, Executivo Municipal, governo estadual e a própria instituição de saúde, que destinará para a manutenção da parte elétrica do prédio, aportarão recursos.

Com as adaptações do projeto, de acordo com o presidente, o Hospital do Trauma terá 126 novos leitos, dos quais 98 serão de internação, 10 de UTI (Unidade Terapia Intensiva), 18 de observação e cinco salas de cirurgias.
A previsão de entrega, ainda conforme afirma o dirigente da entidade, é em janeiro de 2017, mas a intenção é reforçar o acompanhamento das obras, para tentar adiantar a entrega ainda para o fim de 2016.

Prédio - Nesta manhã, equipes da própria Santa Casa estiveram no prédio para fazer adequações para a visita do ministro da Saúde, prevista para as 14 horas. Segundo a instituição de saúde, a demora da conclusão não prejudicou a estrutura que já foi erguida, bastando apenas o acabamento.

Funcionários faziam a limpeza do local. (Foto: Fernando Antunes)Funcionários faziam a limpeza do local. (Foto: Fernando Antunes)


E vai consumir mais um tantão de dinheiro e não vai ficar pronto... Alguém duvida? Sou capaz de dar um braço...
 
Isabel Aparecida Arguelho em 07/01/2016 13:00:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions