A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

12/05/2012 14:29

Erosão em frente ao lago do Rádio Clube Campo assusta moradores

Luciana Brazil
Cratera segue sem obras e moradores ficam medo após chuva forte. (Foto:Arquivo)Cratera segue sem obras e moradores ficam medo após chuva forte. (Foto:Arquivo)

Após mais uma forte chuva que atingiu Campo Grande na manhã de hoje, a cratera na rua Spipe Calarge, em frente ao Rádio Clube Campo, causa ainda mais medo nos moradores da região. Apreensivos, eles têm receio que o buraco aumente e desabe a qualquer momento.

A situação se estende há anos e sempre que chove forte o medo é ainda maior. Preocupada, a leitora do Campo Grande News, Kelly Fantinato Sampaio, escreveu para a nossa redação alertando para a situação. Segundo ela, mais algumas chuvas como a de hoje, podem ser decisivas para que o caos se instale.

A erosão começa às margens do asfalto da Rua Spipe Calarge – em frente ao lago – e vai adentrando em meio ao terreno com mata, por onde os trilhos passavam.

Além da cratera, o lago do Rádio Clube Campo que está assoreado também traz dificuldades para o trânsito, piorando também a erosão. O lago foi represado na década de 70. O assoreamento se agravou há três anos, após a extensão da avenida Bom Pastor, que fica na lateral do clube.

Segundo o presidente do Rádio Clube, Omar Ayub, o córrego Bandeira, que começa na avenida Três Barras e deságua no Anhanduí, passa também pelo lago do Rádio Clube Campo e por causa da urbanização, a água ficou represada. O córrego também segue o curso pela cratera.

Segundo ambientalistas, além do lago, a erosão também é consequência da falta de estrutura na urbanização do local.

Obras: A prefeitura prevê obras para a região através do PAC (Projeto de Aceleração de Crescimento). A intervenção, que já deveria ter sido iniciada, segundo o presidente do clube, deverá trazer a recuperação no processo erosivo, drenagem, abertura de novas galerias ao longo da Spipe Calarge, prolongamento da via Fabio Zahran até a Três barras e construção de bocas de lobo.

Ainda não foi dada ordem de serviço, apesar de o PAC ter sido aprovado. O recurso destinado será de R$ 9 milhões.

Muita lama no lago do Rádio Clube Campo. Bem em frente, a erosão que assusta moradores. (Foto:Minamar Júnior)Muita lama no lago do Rádio Clube Campo. Bem em frente, a erosão que assusta moradores. (Foto:Minamar Júnior)


Quase fui junto.
 
Denise Maria Vicente Guidoni em 21/06/2012 09:46:43
Respeitar o sábio;bom;velho e ATUALÍSSIMO CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO ninguém fala nada, né?Gastam muito pq. gastam mal; pq não fazem a coisa certa desde o início.Enquanto os engenheiros acharem que o negócio é invadir a Natureza e meter asfalto, com o aval dos chefes de governo...é só dinheiro do Povo que vai pro ralo, ou melhor, pela enxurrada. Nada de pequenas pontes, nada de preservação...
 
rose mara em 13/05/2012 07:57:51
como ainda dá tempo não se faz nada , vão fazer depois ,quando a situação estiver caótica.
 
Erick Nicolau em 12/05/2012 08:15:08
CADE O IMASUL, IBAMA, SEMADUR, PMA, MP E OUTRAS AUTORIDADES EM GERAL!! FICAM AI ATRAS DE AREAS RURAIS QUE MUITAS VEZES NEM IMPACTO TRAZ A MEIO, E DEIXAM ESSA EROSÃO AI SEM QUALQUER PROVIDENCIAS AOS OLHOS DE TODAS AUTORIDADES E DA SOCIEDADE.. ISSO É UM ABSURDO!!!
 
carlos lima em 12/05/2012 07:35:04
Este problema só vai piorar se não tiver uma intervenção rápida das autoridades municipais, senhores ainda há tempo,. vamos trabalhar...
 
José Silva em 12/05/2012 06:24:53
os administradores do nosso dinheiro suado q pagamos os altos impostos, estão aguardando a cratera engolir a avenida, como aconteceu no Nova Lima, para depois tomar providencia.
 
Renato Marin em 12/05/2012 05:22:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions